Publicidade

Vale tudo para driblar o calor: desde “amizades sinceras com piscina” ao sorvete geladinho

Fim do inverno trouxe temperaturas escaldantes para Campo Grande

O calorão na Capital obrigou o campo-grandense a ser criativo neste fim de semana. Com sensação térmica na casa dos 35° C, nem o ventilador na velocidade máxima deu conta de aliviar o mal-estar das altas temperaturas. Daí, quem mora em casa ou prédio com piscina fez a festa, é claro.

Lara reuniu a família na piscina e não esqueceu do tereré (Foto: Arquivo pessoal)

Foi a escolha de Lara Nogueira, 29 anos, consultora e palestrante com ênfase em Montessori, que aproveitou a piscina do condomínio para que a família se refrescasse. Como ela está gestante, beneficiou-se ainda da drenagem natural que a água oferece às grávidas.

“Esse fim de semana estava bem quente e juntar o sol com o refresco da piscina só podia dar muito certo! A Alice aprecia muito piscina e eu, que estou gestante, recebo de quebra o benefício para a gestação que a piscina proporciona. Pra ficar melhor ainda tivemos o rico tereré servido pelo papai! Por mais dias quentes e bem aproveitados como este de hoje”, comenta.

Quem não tinha aparelho de ar-condicionado, piscina em casa ou outra alternativa, no entanto, precisou apelar para as “amizades sinceras que têm piscina” em casa. Como a estudante de administração Liana Ferreira, de 20 anos, que aproveitou a mudança na temperatura para usufruir da piscina da amiga Tatiana Oliveira, também de 20 anos.

“Tinha umas duas semanas que não falava com ela. É minha amiga, mas como ela tem piscina e tava insuportável, mandei um ‘zap’ me convidando para mergulhar. Ela morreu de rir e disse pra eu levar só o que fosse beber”, conta a estudante.

Rodolfo foi convidado por Elba para curtir o calor na piscina (Foto: Arquivo pessoal)

O funcionário público Rodolfo Spessato, 30 anos, foi mais sortudo e não precisou dar indiretas a nenhum amigo, digamos assim. Também sofrendo com o calor, foi surpreendido por uma amiga, que fez o convite.

“Acordar de ressaca, num dia mega quente como hoje, e receber o convite de uma amiga pra um banho de piscina é a prova que amizade verdadeira existe, sim!”, conta.

“Tava em casa preparando o almoço e minha amiga me mandou uma mensagem me convidando para um banho de piscina. Não tive outra escolha a não ser a aceitar e ir curtir uma tarde deliciosa com ela é mais mais alguns amigos”, acrescenta.

Primavera quente

A primavera chegou ao Estado às 21h54 do sábado (22) e, com ele, a previsão de fortes chuva e altas temperaturas, que podem ultrapassar os 40º C em algumas cidades. Da mesma forma, as chuvas também inspiram cuidados e deixará até algumas cidades em alerta.

De acordo com o meteorologista Natálio Abrahão Filho, da Estação Meteorológica Uniderp, o “calorão” deste fim de semana é o cartão de visitas da chegada da primavera, que também é marcada pelo fim da seca e pelas chuvas fortes.

“É a marca do período de transição entre a estação seca que passou e estação chuvosa mais adiante”, explica.

Vai de sorvete?

O aumento por “amizades sinceras que tenham piscina” é uma estratégia antiga e já noticiada nas páginas do Jornal Midiamax. Mas. nem sempre elas surgem ou se disponibilizam para receber gente. Neste caso, uma opção bem mais democrática é apelar para o bom e velho sorvete.

Sem piscina, Bruna apostou no milkshake para driblar o calor (Foto: Guilherme Cavalcante | Jornal Midiamax)

Na Rua da Divisão, no bairro Parati, os donos de uma milshakeria se despediram com sorrisos largos do inverno. Segundo eles, o frio faz o movimento cair em até 30%, mas, em compensação, os dias quentes faz os clientes “invadirem” o estabelecimento em busca de casquinhas de sorvete ou dos milkshakes do cardápio.

“Tem até horário de pico”, brinca o proprietário, Cleber Gellio, de 37 anos. “Assim que a gente abre, após o almoço, tem um movimento grande. Mas, a gente teve até que estender o horário de fechar nos fins de semana, porque de noite tem outra movimentação grande”, conta ele, que atuava como fotojornalista antes de apostar no novo ramo.

A seu lado, Jéssica Benitez, de 30, fala que as mudanças de temperatura fizeram com que o casal fosse criativo para superar a queda no movimento.

“Quando estava muito frio, nós lançamos um cardápio especial de inverno, com bebidas quentes, petit gateau e brownie. As bebidas continuam no cardápio, mas nosso carro chefe são os milkshakes, mesmo”, revela a proprietária, que também atuava como jornalista antes de inaugurar o negócio.

No local, os clientes não negam que foram atraídos pelas altas temperaturas. “A gente estava em casa quando deu aquela moleza do calor, daí viemos tomar milkshake para aliviar”, conta a auxiliar administrativa Bruna oliveira, de 31 anos. “Mas nem precisa estar calor. Já me considero cliente fidelidade de tanto que eu venho”, finaliza.

Jéssica e Cleber faturam bem mais nos dias quentes (Foto: Guilherme Cavalcante | Midiamax)
Mais notícias