CineMato faz lives para debater e divulgar produções audiovisuais de MS

Projeto é desenvolvido online pelo MIS durante a Semana do Cinema Brasileiro

O Museu da Imagem e do Som, em parceria com o CineCafé, Curso de Audiovisual da UFMS e TVE Cultura, promovem à partir desta segunda-feira (15) a Semana do Cinema Brasileiro – CineMato. Na perspectiva de dar visibilidade ao trabalho tográfico produzido em Mato Groso do Sul, uma série de bate-papos por meio de s será realizada com quem produz nos mais variados gêneros. As s acontecem pelo Instagram da Fundação de cultura sempre às 19h.

“O é a arte da reinvenção, é a crônica necessária de cada tempo, e de cada povo, assim, vivendo um período tão trágico, mas também histórico, queremos dar voz aos “cronistas” da luz mágica, aqueles que com rigor e maestria contam histórias e constroem memórias através do , feito aqui no Mato Grosso do Sul”, destaca Marinete Pinheiro, coordenadora do MIS.

Confira a programação da semana abaixo:

O de terror no velho oeste

Dia 15 – Kézia Miranda conversa com Larissa Anzoategui – Produtora, editora e diretora da Astaroth, produtora independente em MS que já realizou seis curtas e longas-metragens.

O Imaginário, o Folclore e o Cinema

Dia 16 – Julio Bezerra – Professor do curso de Audiovisual da UFMS conversa com Andriolli Costa, jornalista, narrador e pesquisador de folclore e imaginário brasileiro.

Cinema Documentário em MS

Dia 17 – Marinete Pinheiro – Jornalista, Cineasta/Documentarista e Coordenadora do MIS de MS conversa com Lu Bigatão, Documentarista, produtora a apresentadora do Programa Cult/TVE Cultura.

Filmes de bang-bang em Campo Grande / 100% Independente

Dia 18 – Carlos Diehl- Roteirista e Produtor Executivo na TVE Cultura conversa com Alexandre Couto, cineasta independente que dirigiu filmes de longa- metragem em Campo Grande.

Documentário de invenção e poesia

Dia 19 – Marinete Pinheiro Jornalista, Cineasta e Coordenadora do MIS de MS conversa com cineasta Joel Pizzini, Cineasta, pesquisador, autor de ensaios documentários premiados internacionalmente como Caramujo-flor e 500 Almas.

FORMAÇÃO – Roteiro e produção criativa

Dia 20 – Kézia Miranda conversa com Mariana Tesch- Mestre em Roteiro pela Northwestern University (com bolsa CAPES e Fulbright), roteirizou os curtas-metragens “NY, MG” (2017), vencedor do Festival de Curtas TNT, com estreia no canal TNT-Brasil, e “Nervo” (2019), com exibições em diversos festivais pelo Brasil.

Seus trabalhos mais recentes são como roteirista das séries “Clube da Anittinha” T2 (Gloob), “Coisa Mais Linda” T2 (NETFLIX) e “Oswaldo” T2 (Cartoon Network). Atualmente desenvolve seu primeiro longa-metragem autoral “Amém”, e o longa-metragem “Ligações Nebulosas”, em parceria com Jean Claude-Bernardet. Faz parte da equipe de programação e produção da Rodada de Negócios do FRAPA.

CineMato faz lives para debater e divulgar produções audiovisuais de MS
Mais notícias