Publicidade

Retrospectiva: 5 lugares e dicas de arquitetura que falamos em 2018

Relembre as matérias mais lidas sobre arquitetura e decoração

Há 10 dias do Ano Novo, 2019 já está batendo na porta. Neste fim de ano, a redação irá separar as matérias mais lidas do ano de 2018 em todos as temáticas do MidiaMAIS, entre elas: personagens, comportamento, arquitetura, beleza, bem estar, cinema, culinária, teatro e famosidades.

Na arquitetura, editoria da retrospectiva de hoje, falamos de lugares que no passado eram o point dos jovens e que hoje vivem à beira do abandono, demos dicas de decorações sustentáveis ou como transformar sua casa em um spa. Também falamos sobre Manuel Secco, criador de monumentos históricos da Cidade Morena e a inauguração da Maria Fumaça na Orla Morena. Pronto para entrar no túnel do tempo?

Clube Libanês: a história esquecida e a nostalgia

Em 2018, contamos a história do tradicional Clube Libanês, localizado na Rua Dom Aquino, 1879. Um dos tesouros do anos dourados da Capital, o Clube foi construído ao longo de 10 anos, entre 1952 e 1962, por 400 imigrantes libaneses que se dedicavam apenas aos fins de semana, quando tinham tempo disponível, e utilizaram de recurso próprio para manter a obra.

Atualmente, com muito menos sócios, o único projeto que acontece no Clube é o bailes para o público da terceira idade. Em 2017, chegou a ameaçar a encerrar suas atividades por completo depois de o juiz da 1ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos, Alexandre Antunes da Silva, exigir a documentação e reformas necessárias. Confira a matéria completa aqui.

Manuel Secco Thomé: o autor de construções que marcam a história de Campo Grande

Manuel Maria Secco Thomé era imigrante português e veio para o Brasil em 1912, aos 20 anos, junto do pai e de um irmão. Em Campo Grande, ele ganhou destaque na construção civil, por volta dos anos 1930. Manuel Secco Thomé faleceu em 28 de julho de 1962, no Rio de Janeiro, por complicações na saúde. A suas obras mais famosas estão espalhadas pela cidade. Entre elas estão: o Obelisco, o Relógio da 14 de Julho, coreto da Praça Cuiabá e a Empresa de Correios e Telégrafos na Calógeras. A matéria completa você lê aqui.

“Maria Fumaça” com show de Almir Sater e Geraldo Espíndola

A Maria Fumaça tem 5 metros de altura, 20 de comprimento e cerca de 20 toneladas. O monumento fica suspenso em um balanço que dá a impressão que ele levantará vôo. Também há um totem com QRCode com um texto informativo da Maria Fumaça, produzido pelo prof. Paulo Cabral, do Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso do Sul.

Segundo a Prefeitura Municipal, no projeto completo, a Orla Ferroviária passará por uma requalificação geral que mudará completamente sua estrutura. A ideia inicial é de que o espaço fique mais confortável para a população, visto que a região tinha casos de insegurança. A matéria completa você encontra aqui.

10 maneiras de transformar sua casa em um Spa relaxante

Nem todos vivemos uma vida fácil para abrir espaço nas nossas agendas cheias para fazer visitas semanais ao spa. Mas não se desespere. Uma ótima alternativa é transformar o santuário que é sua própria casa, seja praticando meditação e ioga, se alimentando bem, ou simplesmente transformando o ambiente.

Entre as dicas que você pode usar, sugerimos: Spray Aromatizado, Toalhas Felpudas, Luminárias, Almofadas de Meditação, Difusor de Aromas, Cobertores, Plantas, Velas, Cristais e Incenso. A matéria com as dicas para relaxar em casa você confere aqui.

Pneus como peças de decoração

Materiais taxados como lixo são reciclados e podem se tornar puffs e camas para bichinhos. Cada pneu descartado demora mais de 600 anos para se decompor. Diante disso, a reciclagem de pneus é a principal maneira de minimizar o seu impacto no meio ambiente. A artesã Viviane Soares Monteiro nos mandou a sugestão do trabalho manual que faz de maneira personalizada.

“Amo fazer cada um deles. Amo fazer o que faço. É uma realização estar contribuindo com a natureza decorando o ambiente em que as pessoas vivem”, completou a artesã. Para quem inova na criatividade, as peças podem se tornar parte da decoração da casa e trazer um charme para o ambiente. As peças recicladas podem ser vistas aqui.

Mais notícias