Biólogo Richard Rasmussen grava trabalho de excelência de cães farejadores da PMMS

Apresentador passou um dia no canil do Batalhão de Choque

Se ficou mundialmente conhecido por gravar matérias com jacarés, desta vez, o biólogo famoso Richard Rasmussen trocou as águas pela terra. O apresentador de TV visitou a sede do Canil do da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul e viu de perto o trabalho exemplar dos agentes e cães no combate ao tráfico de drogas no Estado.

Depois de conhecer um pouco da rotina do canil e aprender sobre o adestramento dos cães de faro, Richard ainda escondeu uma porção de drogas para “testar” o potencial dos animas e foi surpreendido: Em poucos minutos, conduzido pelo Cabo Xavier, Ozzy, o labrador de 3 anos, achou o entorpecente e deu um “flagrante” no apresentador.

A gravação foi realizada, segundo o comandante do Canil, Cap Pablo Luiz Soares, para o canal do Youtube de Richard Rasmussen. O policial explica que a PMMS é a que mais apreende drogas no país e o cão é um dos auxílios nesse combate ao tráfico de drogas. O Canil do Choque conta atualmente com 16 policiais e 12 cães.

Em 2019, o biólogo foi nomeado como embaixador do turismo brasileiro. Richard Rasmussen recebeu da Embratur (Empresa Brasileira de Turismo) o título, que segundo Jair Bolsonaro, permite que ele promova o País no exterior e como é possível aliar preservação ambiental e turismo sustentável.

Richard, que já teve programas no SBT, na Record e nos canais fechados National Geographic e Animal Planet, também é figurinha carimbada no Estado. No ano passado, visitou o Pantanal durante o projeto “Brasil Biomas”.

Biólogo Richard Rasmussen grava trabalho de excelência de cães farejadores da PMMS
Mais notícias