Relembre famosos brasileiros que nos deixaram em 2020

Além de coronavírus, outras doenças foram as causas da morte de celebridades

Faltando pouco mais de um mês para terminar o ano, muitos internautas já pediram o cancelamento de 2020. Além da pandemia do coronavírus, que marcou o ano de forma negativa, muitos famosos também se foram em 2020. Relembre alguns artistas, jornalistas e celebridades que morreram nos últimos 11 meses.

Luiz Parreiras – Ator de destaque em novelas da TV Tupi nos anos 1960 e 1970, Luiz Parreiras morreu, aos 78 anos, em 5 de janeiro.

Sérgio Noronha – O veterano comentarista, que passou por canais como Globo e Band, além da Rádio Globo, morreu no dia 24 de janeiro de 2020, aos 87 anos.

Tunai – O cantor e compositor, irmão de João Bosco e autor do hit Frisson (1984), morreu em 26 de janeiro de 2020, aos 69 anos, vítima de parada cardíaca.

Luis Alberto Volpe – Paulista de Sertãozinho (SP), Luis Alberto Volpe morreu vítima de uma parada respiratória no dia 18 de fevereiro de 2020.

Zé do Caixão – José Mojica Marins foi cineasta, ator, roteirista e apresentador de televisão. Debilitado por problemas de saúde, morreu em 19 de fevereiro, aos 83 anos, vítima de uma broncopneumonia.

Cláudia Telles – Cantora que fez muito sucesso nos anos 1970, tendo feito parte de trilhas sonoras de novelas da Rede Globo e chegando ao primeiro lugar nas paradas com a música Fim de Tarde, Cláudia Telles morreu no dia 21 de fevereiro de 2020, aos 62 anos, vítima de falência múltipla de órgãos após sofrer uma parada cardíaca.

Henrique – O cantor sertanejo Henrique, da dupla Netto e Henrique, morreu no dia 2 de março. O artista, cujo nome verdadeiro era Wesley Pereira da Silva, tinha 22 anos e estava internado em São José do Rio Preto (SP). Ele se envolveu em um grave acidente de carro no dia 8 de fevereiro e sofreu traumatismo craniano.

Cadu Cortez – O jornalista e narrador esportivo Cadu Cortez morreu em 3 de fevereiro, aos 40 anos, vítima de um infarto fulminante. Ele passou por TV Cultura, SBT e Fox Sports e trabalhava atualmente na plataforma de streaming DAZN, onde narrava, principalmente, jogos do Campeonato Italiano.

Adelaide Chiozzo – Cantora e atriz, morreu no dia 4 de março, aos 88 anos. Na televisão, esteve em novelas como Feijão Maravilha, Cambalacho e Deus nos Acuda.

Daniel Azulay – Famoso cartunista, criou a Turma do Lambe-Lambe e apresentou programas infantis em vários canais, como TVE Brasil, Band, Futura e TV Rá-Tim-Bum. Morreu no dia 27 de março, aos 72 anos.

Filipe Duarte – Ator português, estava participando de Amor de Mãe, na Globo. Retornou para Portugal durante a pandemia do novo coronavírus. Morreu no dia 17 de abril, aos 46 anos.

Flávio Migliaccio –

Daisy Lúcidi – A atriz e radialista morreu no dia 5 de maio, aos 90 anos, em virtude da Covid-19. Ela trabalhou em novelas como Paraíso Tropical e Passione.

Ciro Pessoa – Um dos fundadores da banda de Titãs, morreu 9 de maio com consequências do coronavírus.

David Corrêa – Sambista morreu, aos 82 anos, vítima de coronavírus em 10 de maio.

Maria Alice Vergueiro – A atriz, notável no teatro, se destacou na televisão em Sassaricando, vivendo Lucrécia. Ela morreu em 3 de junho, aos 85 anos.

Clarice Amaral – Apresentadora de lendários programas da televisão brasileira, como Grande Gincana Kibon e Clarice Amaral em Desfile (que deu origem ao Mulheres), ela morreu em 27 de junho, aos 84 anos.

José Itamar de Freitas – O jornalista foi diretor do por muitos anos. Ele morreu em 1º de junho, aos 85 anos.

Leonardo Villar – Um dos grandes atores da história da teledramaturgia brasileira, ele morreu em 3 de julho, aos 96 anos. Villar esteve em inúmeras novelas, se destacando em tramas como Os Ossos do Barão e Barriga de Aluguel. Seu último trabalho foi em Passione.

Del Rangel – Diretor e produtor, passou por inúmeros canais, incluindo Globo, Manchete, Record e SBT, onde foi diretor de teledramaturgia. Morreu em 16 de julho, aos 64 anos.

José Paulo de Andrade – Jornalista e radialista, um dos nomes do rádio brasileiro também esteve em muitos programas jornalísticos da Band na televisão. Ele morreu em 17 de julho, aos 78 anos.

Turíbio Ruiz – O ator, que participou de inúmeras novelas, morreu aos 90 anos, em 25 de julho.

Rodrigo Rodrigues – O jornalista, que atualmente estava no Sportv, foi mais uma vítima da Covid-19. Ele, que também era músico, morreu no dia 28 de julho, aos 45 anos.

Gésio Amadeu – O ator, que teve papeis de destaque em Sinhá Moça, Renascer, e no Sítio do Picapau Amarelo, entre outras produções, morreu. Em 5 de agosto, aos 73 anos.

Chica Xavier – A veterana atriz, que se destacou em produções como Tenda dos Milagres, Sinhá Moça e Renascer, morreu em 8 de agosto, aos 88 anos.

Xênia Bier – Lendária apresentadora de programas femininos nos anos 1970 e 1980, ela morreu em 24 de agosto, aos 85 anos.

Arnaldo Saccomani – O produtor musical, jurado de programas do SBT, como Astros, Ídolos e Programa do , morreu em 27 de agosto, aos 71 anos.

Pietro Mário – O ator e dublador fez o Capitão no programa homônimo apresentado pela Globo nos anos 1970 e 1980. Depois disso, participou de muitas novelas. Morreu em 31 de agosto, aos 81 anos.

Emílio Di Biasi – Ator e diretor, esteve em inúmeras novelas, principalmente de Benedito Ruy Barbosa, como Renascer e O Rei do Gado. Morreu em 27 de setembro, aos 81 anos.

Márcia Cardeal – Atriz e apresentadora, fez sucesso na televisão nos anos 1960. Morreu em 29 de setembro, aos 71 anos.

Zuza Homem de Mello – Jornalista e musicólogo, foi engenheiro de som da Record nos anos 1960 e apresentou o programa Jazz Brasil, na TV Cultura, entre outras participações. Morreu em 4 de outubro, aos 87 anos.

Dalmo Pessoa – Jornalista esportivo, fez carreira no rádio e na televisão, em emissoras como Rádio Bandeirantes e TV Gazeta. Morreu em 6 de outubro, aos 78 anos.

Cecil Thiré – Ator e diretor, dono de grandes personagens da história da televisão, como o Adalberto, assassino de A Próxima Vítima, entre outros. Era filho de Tônia Carrero. Morreu em 9 de outubro, aos 77 anos, em virtude de complicações causadas pelo Mal de Parkinson.

Vanusa – Cantora morreu na manhã de 8 de novembro, aos 73 anos.

Relembre famosos brasileiros que nos deixaram em 2020
Mais notícias