“Outubro Rosa”, mês de conscientização e prevenção ao câncer de mama, é aberto pelo Hospital Alfredo Abrão e Rede Feminina

O Hospital de Câncer Alfredo Abrão e a Rede Feminina de Combate ao Câncer, realizaram a abertura simbólica do Outubro Rosa neste primeiro de outubro.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer, o INCA, no Brasil e no mundo, o câncer de mama em mulheres é o mais comum, respondendo por cerca de 28% dos casos novos a cada ano. O câncer de mama também acomete homens, porém é mais raro, representando apenas 1% do total de casos da doença. Estimativa 2020 aponta 66.280 casos novos de câncer de mama no Brasil, sendo 850 casos novos no Mato Grosso do Sul e 250 em Campo Grande.

No Hospital de Câncer são realizados, em média, cerca de 9.600 procedimentos por ano (cirurgias, quimioterapias, radioterapias, consultas…). No hospital 60% das quimioterapias são para mulheres em tratamento com câncer de mama. Quando detectados no início há grandes chances de cura.

Neste ano a campanha de prevenção ao Câncer de Mama será apenas online, não haverá exames para a população por conta da pandemia, mas o  HCAA continua fazendo as mamografias quando encaminhadas, via posto de saúde. Com presença de autoridades, o Hospital de Câncer e a Rede Feminina de Combate ao Câncer, realizaram nesta quinta-feira, 1, a abertura simbólica do .

Para Amilcar Silva Junior, presidente da Fundação Carmen Prudente, mantenedora do hospital “este ano, infelizmente não teremos a campanha com exames de livre demanda para a população, precisamos respeitar as medidas de prevenção vigentes, mas estamos com atendimento normalizado via regulação tanto para exames quanto para tratamento”.

“Outubro Rosa”, mês de conscientização e prevenção ao câncer de mama, é aberto pelo Hospital Alfredo Abrão e Rede Feminina
Abertura (foto: divulgação)

O “” é o mês de conscientização e prevenção ao câncer de mama. Promovida anualmente, a campanha visa compartilhar informações e promover a conscientização sobre a importância da detecção precoce da doença. A medida visa multiplicar o acesso ao exame, dentro das recomendações preconizadas para as mulheres realizando o rastreamento para o diagnóstico precoce, aumentando as chances de cura.

O movimento internacional intitulado “” nasceu nos , na década de 1990, para estimular a participação da população no controle do câncer de mama.

“Outubro Rosa”, mês de conscientização e prevenção ao câncer de mama, é aberto pelo Hospital Alfredo Abrão e Rede Feminina
Mais notícias