Matrículas no ensino médio brasileiro têm queda, aponta Censo Escolar

Cerca de 7,5 milhões de alunos do ensino médio estão fora das salas de aula

De acordo com o Censo Escolar da Educação Básica 2019, o número de estudantes matriculados no ensino médio reduziu. A pesquisa foi feita pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e mostrou que cerca de 7,5 milhões de alunos deixaram a escola nas últimas séries da educação básica. O percentual representa 3,1% em relação à pesquisa anterior.

A pesquisa aponta, também, que as escolas que ofertam vagas no nível médio estão concentradas nas áreas urbanas (95%), enquanto que na zona rural a rede pública tem 96,3% dos estudantes do ensino médio, com maior proporção de matrículas na rede federal.

Em contrapartida, à redução aumentou o número de estudantes em tempo integral no ensino médio. Em 2019, houve avanço de 10,8% nas matrículas para tempo integral, conforme apuração do Inep. O levantamento considera que a maior proporção de matriculados no tempo integral (11,7%) está concentrada na rede pública. Nas escolas privadas, a proporção de estudantes é de 4,8%.

 

Entenda o Censo Escolar

O Censo Escolar é uma pesquisa estatística que tem como objetivo fazer um diagnóstico sobre a educação básica brasileira.

Sob coordenação do Inep, o Censo Escolar é realizado em regime de colaboração entre a União, os estados, o Distrito Federal e os municípios.

A pesquisa é declaratória, de abrangência nacional e coleta informações de todas as escolas públicas e privadas, suas respectivas turmas, seus gestores, profissionais escolares e alunos de todas as etapas e modalidades de ensino: regular, educação especial, educação de jovens e adultos (EJA) e educação profissional.

 

*Com informações do Inep

 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Mais notícias