Gosta de desenhar? Confira profissões que têm o desenho como base

No Instagram, estudante autodidata mostra seus desenhos realistas

Para alguns, o desenho é apenas distração ou terapia, para outros, é uma habilidade que pode virar profissão. Desenhar não é só coisa de criança, algumas carreiras têm o desenho como base. Arquitetos, paisagistas, cartunistas e figurinistas, por exemplo, têm o desenho como instrumento de trabalho.

O aprimoramento do desenho pode surgir com cursos ou na ação autodidata, como é o caso da estudante baiana Gessica Lima, de 17 anos. “Eu sempre amei desenhar. Quando era pequena, assistia muitos filmes da Barbie e tentava desenhar as roupas. Fui passando para os personagens, depois comecei a tentar fazer os rostos mais detalhados e, quanto mais eu tentava coisas novas, melhor eu desenhava”, relata Géssica, que expõe seus desenhos no @gg_meus_desenhos.

Géssica dedica cinco horas por dia aos seus desenhos e o resultado de tanta dedicação foi a conquista de prêmios. “Já venci duas vezes um projeto estudantil de artes visuais na minha escola. Meu maior sonho é poder dar uma vida tranquila e financeiramente estável para minha família e, consequentemente, para mim também. Se for através do desenho, ótimo”, conclui a estudante.

A desenhista autodidata ainda não escolheu qual graduação irá cursar, mas quer se formar em um curso que possibilite continuar desenhando. Se assim como a Gessica você pensa em fazer uma faculdade que tenha o desenho como base, confira algumas opções:

 

e Urbanismo

A graduação em Arquitetura e Urbanismo dura, em média, cinco anos e o estudante aprende a fazer planta das construções e a desenhar o interior delas. Aprende a criar objetos e logotipos. A formação possui diversas disciplinas ligadas ao desenho, como Urbanismo, Desenho Arquitetônico e Geometria Gráfica. É uma graduação voltada para quem tem criatividade e interesse em desenvolvimento urbano.

 

Desenhista Industrial

Além de criar a estética visual do produto, o desenhista industrial precisa de criatividade para inventar peças que atendam à funcionalidade, ao custo e que sejam de fácil manuseio. O estudante dessa área aprende a fazer produtos desde o esboço até protótipos físicos. A graduação na área pode ser feita de forma presencial ou a distância e tem duração média de quatro anos.

 

er de Interiores

A graduação em de Interiores pode ser encontrada em duas modalidades de ensino superior, tecnólogo ou bacharelado. O estudante dessa área aprende a planejar como ficará o interior de um ambiente com objetos, iluminação e acabamento. O curso possui grande parte da sua carga horária destinada a matérias práticas ligadas ao desenho, como perspectiva prática e desenho arquitetônico.

 

er Gráfico

O estudante que optar pela graduação em Design Gráfico precisará de talento para desenhar, criatividade, conhecimento em software de desenho e edição e paixão pela profissão. A graduação pode ser encontrada em duas modalidades de ensino superior, tecnólogo ou bacharelado. O estudante aprende a usar suas habilidades artísticas para criar elementos visuais usados em logotipos, anúncios, layouts de revistas, sites, folhetos e outros materiais gráficos. Através de softwares de desenho, começa a desenvolver imagens desde os primeiros conceitos até a versão final usada nas publicações.

 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Gosta de desenhar? Confira profissões que têm o desenho como base
Mais notícias