Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Protetor que dedica vida ao voluntariado busca doações para animais abandonados

Xandão sonha em arrecadar, até final de fevereiro, cerca de 2 toneladas de ração

O espírito de solidariedade foi o que motivou Alexandre Menezes dos Santos, de 36 anos, a doar grande parte do seu tempo em prol dos animais abandonados, em Campo Grande. Apesar do esforço incondicional, agora o funcionário público clama por doações de ração e medicamentos para continuar ajudando os bichinhos.

Atualmente, Xandão – como é conhecido, ajuda 5 lares temporários de animais que sofreram algum tipo de maus tratos, totalizando 400 cães e 270 gatos. O trabalho consiste em levar ração e medicamentos para os pets, além de regatar ninhadas abandonadas nas ruas.

O protetor de animais explica que usa gasolina e carro próprios em benefícios dos bichinhos, mas conta com a solidariedade das pessoas para engrossar o número de doações e salvar mais vidas.

“Única coisa que peço é doação. Recebo inúmeras denúncias e pedidos de ajuda. Sozinho não dou conta, mas dedico todas as tardes aos animais.”

Tudo começou em setembro do ano passado quando Xandão se empenhou, segundo ele, “na questão dos maus tratos”. Os números foram crescendo e o funcionário público não deu mais conta sozinho.

“Eu ajudo lares temporários, levo comida e esses locais ajudam outros e assim a gente monta uma cadeia de solidariedade. Agora estou fazendo uma força-tarefa e pedindo que mais pessoas doem também. As vezes tem metade de um saco de ração em casa, ou um medicamento que não usa mais, pode me ligar que eu busco em toda Campo Grande.”

O protetor tem o sonho de arrecadar, até final de fevereiro, cerca de 2 toneladas de alimentos para cães e gatos. Xandão acredita que pode amenizar o sofrimento dos bichinhos abandonados se cada um fizer um pouco.

“Eu acredito que isso é um dom de Deus porque o que mais toca no coração é ver um animal na rua, que passa fome, e as pessoas não fazem o diferente. Uma refeição que seja. O meu ideal é que as pessoas se contagiem com meu trabalho e também fizessem um pouquinho pelos bichinhos.”

Quem quiser ajudar de alguma forma, pode entrar em contato com Xandão em seu perfil oficial ou pelo telefone / Whatsapp 9 9250-9355.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...