Alunos de Campo Grande criam aplicativo para ajudar pessoas com Esclerose

Projeto concorre a prêmio regional do Senac

Alunos do Senac Campo Grande vão disputar a terceira edição do “Talento Profissional Senac MS”, em outubro, após desenvolveram um aplicativo para ajudar pacientes portadoras de Ela (Esclerose Lateral Amiotrófica).

Laudicéia Pereira Fernandes, Wendel Tavares e Emerson Leme, idealizadores do projeto “Esclerose lateral amiotrófica e uma forma de comunicação” criaram a plataforma para tornar a comunicação mais rápida e eficaz entre o paciente portador da doença, familiares e membros da equipe de saúde.

Por meio de cache e mensagens pré-programadas, o programa contribui para a expressão do pensamento do paciente. Com o trabalho, os estudantes proporcionam melhor qualidade de vida para todos os envolvidos.

O programa “Talento Profissional Senac MS” tem o objetivo de incentivar os alunos a criarem soluções para problemas comuns à sua área de atuação e desafiá-los a contribuir para a melhoria de processos, que serão realidade no seu dia a dia profissional. Os vencedores são premiados com R$ 1,5 mil, nas etapas locais. Já o projeto escolhido na etapa estadual recebe o valor de R$ 5 mil e o segundo colocado, R$ 2 mil.

Mais notícias