Ação em prol ao meio ambiente tira 100 kg de sujeira do Lago do Amor

Grupo também planou 30 mudas de Ipês nas margens do Lago

Uma ação organizada pelo Rotary Clube de Campo Grande Universidade uniu um grupo de 20 pessoas, na manhã deste sábado (15), para limpeza do Lago do Amor na Capital. Além de retirar os resíduos das águas, os voluntários também plantaram 30 mudas de Ipês com o objetivo de conscientizar a população sobre a importância de preservar o meio ambiente.

A bordo de um barco, com apoio do Corpo de Bombeiros e servidores da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), os integrantes do Rotary Clube retiraram mais de 100 kilos de resíduos entre plástico, isopor e papelão das águas do Lago. A atividade serve para chamar a atenção da população sobre o impacto ambiental proveniente do descarte irregular de lixo.

José Antônio dos Santos, presidente do Rotary, explicou que o Lago do Amor foi escolhido por ser uma das maravilhas ambientais da cidade.

“Um dos enfoques do Clube é fazer ação de meio ambiente. No planejamento de gestão fazemos as ações como limpeza e reflorestamento. O Lago do Amor é uma das maravilhas de Campo Grande e deve ser preservado. Isso é uma obrigação de todos”, pontua.

Mais notícias