Jacarés no Buraco das Araras? Conheça as hipóteses da presença do réptil no local

Existem duas suposições

No Buraco das Araras, um acidente geográfico denominado como dolina que fica no município de Jardim, você pode visualizar mais que araras. O fundo do buracão abriga um feliz – não temos muita certeza sobre isso – casal de jacarés do papo amarelo.

Como eles foram parar lá?

Esta é a questão!

Segundo o biólogo da atração turística Edson Marques, existem duas hipóteses.

A primeira é que, como podemos esperar, jacarés caminham e, “em algum momento que houve chuvas fortes que fez com que rios próximos aumentassem o nível e o animal, em alguma correnteza, pode  ter caído”, explica.

Jacarés no Buraco das Araras - No fundo da dolina há água. | Foto: arquivo pessoal
No fundo da dolina há água. | Foto: arquivo pessoal

A segunda hipótese é mais … digamos assim … interessante. Mas antes, vamos contar um pouco da história do Buraco das Araras para tudo fazer sentido.

Antes de se tornar ponto de visitação de turistas de todo o mundo, a área em que a dolina está situada era uma fazenda e a dolina foi descoberta por peões em 1912. “Os homens perceberam que muitas araras voavam próximas a um grande capão de mata, e resolveram ver o que tinha lá no meio. Foi quando, ao invés de mato fechado, encontraram um imenso buracão escondido na vegetação”, conta o site da atração turística.

Preocupado com a possibilidade de perder gado e cavalos que poderiam cair acidentalmente no buraco, o proprietário tratou de deixar a área fora da fazenda e criou “parte de um corredor de circulação (antiga estrada) entre as propriedades”.

Com o tempo a população ficou sabendo e diversas pessoas foram atraídas ao local pela curiosidade e para observar as aves. Também não demorou muito para algum dito cujo “se dar conta de que a imensa dolina era um ótimo lugar para se eliminar desafetos, jogando seus inimigos lá dentro para que morressem e nunca fossem encontrados, tornando o Buraco das Araras um verdadeiro ‘cemitério ao ar livre’”, lê-se em outro trecho do site.

Agora sim, a segunda hipótese, que você já deve estar supondo. Edson conta que é possível e bem plausível que os jacarés tenham sido inseridos no habitat propositalmente para eliminarem os cadáveres. Trágico!

Mas, como vivem os jacarés no Buraco das Araras?

Jacarés no Buraco das Araras | Um tatu caiu e virou refeição. | Foto: arquivo pessoal
Um tatu caiu e virou refeição. | Foto: arquivo pessoal

“Hoje eles se alimentam de sapos, rãs e também se reproduzem. A medida que os filhotes vão crescendo, começa a competição e o mais forte come o mais fraco”, conta ele detalhando a cadeia alimentar que é reduzida. Tal competição impede que haja uma superpopulação de jacarés no Buraco das Araras.

Além disso, “às vezes podem cair animais, como aconteceu há algumas semanas. Um tatu caiu e morreu com a queda. O bicho aproveita e come.”


Fale MAIS!

O que você gostaria de ver no MidiaMAIS? Envie sua sugestão para o e-mail [email protected], ou pelos telefones 67 99965-7898/3312-7422.

Siga a gente no Instagram: @midia_mais_

Mais notícias