Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Barbie lança projeto de combate ao preconceito de gêneros

Intenção é que meninas, acima dos 5 anos, não percam a confiança nos sonhos

Em comemoração ao Dia da Menina, na próxima quinta-feira (11), a Barbie lançou o projeto Brecha do Sonho. A iniciativa global tem como objetivo conscientizar sobre fatores limitantes que impedem meninas redor do mundo de atingirem o potencial máximo.

Como parte das iniciativas, a Barbie financiará pesquisas, destacará exemplos femininos positivos para mobilizar comunidades a apoiarem meninas. A intenção é que crianças, acima dos 5 anos, não percam a confiança nos sonhos por estereótipos culturais, preconceitos implícitos e representações midiáticas.

Mundialmente, a marca trabalhará com pesquisadores locais para estender os estudos e conhecer mais sobre as garotas ao redor do mundo.

Brecha do Sonho será concentrado em ações como:

– Conscientizar os adultos através de conteúdo relevante, desenvolvido para proporcionar recursos sobre como apoiar as meninas, disponível no site Barbie.com. A Barbie também criou um novo digital spot a partir da campanha “Você Pode Ser tudo Que Quiser”, que explica a Brecha do Sonho.

– Mostrar mais modelos a seguir às meninas, destacando pelo menos 10 exemplos femininos globais de empoderamento por ano. Dizer a uma menina que ela pode ser qualquer coisa é apenas o começo; ver que ela pode mesmo ser qualquer coisa faz toda a diferença.

– Impulsionar a Barbie como um modelo a seguir e conectá-la às meninas pelo uso de conteúdos inspiradores baseados em momentos de aprendizado. Ao divulgarmos conteúdos com temas movidos por objetivos abordamos questões enfrentadas pelas garotas de uma forma única e acessível.

– Continuar a oferecer produtos “empoderadores” que permitem que meninas encenem seus sonhos, mostrando ao mesmo tempo que elas possuem escolhas. Desde a série Mulheres Inspiradoras até as novas carreiras lançadas cada ano, a Barbie encoraja a imaginação, a expressão e a descoberta.

– Criar parcerias ao redor do mundo com qualquer empresa que tenha a mesma opinião e se dedique ao empoderamento das meninas.

Comentários
Carregando...