MidiaMAIS

Parque das Nações Indígenas recebe bustos de Marçal de Souza e Marta Guarani

Inauguração faz parte de Semana dos Povos Indígenas

Daiane Libero Publicado em 26/04/2016, às 18h43

None
13115398_1216941328315959_494236973_n.jpg

Inauguração faz parte de Semana dos Povos Indígenas

A importância dos nossos povos indígenas tem sido mostrada durante a Semana Estadual dos Povos Indígenas 2016, realizada pela FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul). Para enaltecer o papel de liderança de Marçal de Souza e Marta Guarani, dois bustos foram inaugurados nesta terça-feira, com a presença de Edna de Souza, filha de Marçal; Susiê Guarani, filha de Marta, e Valquíria, Eder e Marlene Parlagreco, filhos e esposa do falecido escultor Paulo Rubens Parlagreco, autor dos bustos.

Parque das Nações Indígenas recebe bustos de Marçal de Souza e Marta GuaraniSegundo informações da FCMS, Marçal de Souza foi defensor incansável dos povos nativos brasileiros e sul-americanos e um dos líderes precursores das lutas dos guaranis pela recuperação e pelo reconhecimento de seus territórios ancestrais em Mato Grosso do Sul e estados vizinhos. Foi também um dos criadores do movimento indígena brasileiro, tendo sido um dos fundadores e participado da primeira diretoria da União das Nações Indígenas.

Marta da Silva Vito (Marta Guarani) nasceu em 29 de julho de 1942 na aldeia Jaguapiru, em Dourados. As principais lutas giraram em torno da demarcação de terras indígenas, do reconhecimento da dignidade do povo indígena e do combate à opressão de índios e índias. Mudou-se para Campo Grande em 1975 e conseguiu feitos importantes, como a criação da Delegacia Regional da Funai em Amambaí e a fundação da Associação Kaguateca, buscando a unificação dos povos indígenas do Mato Grosso do Sul e o agrupamento das nações Kadiwéu, Guarani, Terena e Caiuá.

Paulo Rubens Parlagreco nasceu em 10 de dezembro de 1944, onde viveu até 1989, quando então, se transferiu para a cidade de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, vindo a falecer em fevereiro deste ano. “É um projeto que meu pai tinha desde 2011. Vem sendo construído desde essa época. Colocamos os bustos no parque e faltava inaugurar. Estou feliz com o apoio da Secretaria de Cultura em divulgar a arte e homenagear os artistas”, disse a filha de Rubens.

A filha de Marta Guarani, Susiê, agradeceu a Sectei por esse “grande momento, a inauguração desses bustos de lideranças do Estado. Isso vai ficar marcado na história, mais um ato de representação para a posteridade. Tenho orgulho de ser filha de Marta Guarani e sobrinha de Marçal de Souza. Agradeço à Valquíria e ao pai dela por essa homenagem”.

A programação da Semana Estadual dos Povos Indígenas continua com exibição de filmes e exposições no MIS (Museu da Imagem e do Som). Hoje serão exibidos os filmes “Flor Brilhante e as Cicatrizes na Pedra” e “A Procura de Marçal”. Já no dia 27 será a vez de “A Nação que não esperou por Deus”. As exibições acontecem sempre a partir das 19h30 e a entrada é franca.

Jornal Midiamax