Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

DATAmax: diferença entre Reinaldo e Delcídio é de 8,58 pontos; indecisos são 3,58%

Considerando a margem de erro de 2,8% e a oscilação dos percentuais dos candidatos, no limite da margem, matematicamente é possível afirmar, em um dos cenários ensaiados, que a diferença seria menor que o índice de indecisos

A dois dias da eleição, a diferença entre os candidatos ao governo estadual é de 8,58 pontos percentuais, aponta pesquisa DATAmax realizada realizada entre os dias 20 e 24 de outubro de 2014, registrada no TRE-MS sob o número 00078/2014.

No levantamento estimulado e computando-se os percentuais de brancos, nulos e de eleitores indecisos ou que declararam não saber em quem votar, o candidato do PSDB, Reinaldo Azambuja, registra 50,5%, e Delcídio Amaral, do PT, 41,92%.

Considerando-se a margem de erro de 2,8 pontos, Reinaldo oscila entre 47,7% e 53,30%. O percentual de Delcídio varia entre 39,12% a 44,72%. Brancos e nulos somam 4%. O percentual de eleitores indecisos é de 3,58%.

Indefinição

Considerando a margem de erro de 2,8% e a oscilação dos percentuais dos candidatos, no limite da margem, matematicamente é possível afirmar, em um dos cenários ensaiados, que a diferença seria menor que o índice de indecisos.


Votos válidos

Se as eleições fossem hoje, considerando-se os votos válidos, onde se excluem os votos brancos, nulos, indecisos e o de eleitores que declararam não saber em quem votar, Reinaldo teria 54,64% das intenções de voto, contra 45,36% do adversário.

Em relação à pesquisa anterior, registrada no TRE sob o número 00066/2014, a diferença entre os candidatos caiu 2,84 pontos percentuais (12,12 para 9,28). Reinaldo registrava 56,06%, e Delcídio, 43,94%,

Para este levantamento, o DATAmax ouviu 1,2 mil eleitores em 37 municípios, entre os dias 20 e 24 de outubro. O nível de confiança estimado é de 95% e a margem de erro é de 2,8 pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa está registrada na Justiça Eleitoral sob o número MS-00078/2014.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...