Número de mulheres assassinadas no país cresce 229% em 30 anos

O número de mulheres assassinadas a cada mês no Brasil saltou de 113 para 372 em 30 anos, um aumento de 229%. Os índices foram levantados pelo Instituto Avante Brasil (IAB) a partir de dados do Datasus, do Ministério da Saúde. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.


No início da década de 80, uma mulher era assassinada a cada 6h28m28s no país. A escalada da violência fez com que o intervalo diminuísse. Hoje, a cada 1h57m43s, há uma vítima de homicídio nesta parcela da população.

Número de mulheres assassinadas no país cresce 229% em 30 anos
Mais notícias