Esportes

Vasco vacila e cede empate ao Madureira após abrir 2 a 0

O Vasco desperdiçou a chance de chegar à segunda vitória consecutiva pelo Campeonato Carioca com o empate de 2 a 2 com o Madureira, na tarde deste sábado (27), em Los Larios. O Gigante da Colina chegou a estar vencendo por 2 a 0, mas sofreu dois gols em menos de três minutos em jogadas […]

Agência Brasil Publicado em 27/03/2021, às 18h04

None

O Vasco desperdiçou a chance de chegar à segunda vitória consecutiva pelo Campeonato Carioca com o empate de 2 a 2 com o Madureira, na tarde deste sábado (27), em Los Larios. O Gigante da Colina chegou a estar vencendo por 2 a 0, mas sofreu dois gols em menos de três minutos em jogadas de bola parada. Com o resultado, o Vasco chega a seis pontos, ocupando momentaneamente a oitava posição da Taça Guanabara. Já o Madureira segue invicto, com 10 pontos, na terceira posição.

O JOGO

A primeira grande chance foi do Vasco. Logo aos dois minutos, Miranda descolou longo lançamento para Germán Cano. O camisa 14 apareceu sozinho na grande área, teve tempo de escolher o canto, mas chutou em cima de Felipe Lacerda. Três minutos depois, foi a vez de Zeca encontrar Carlinhos em boa posição para finalizar, mas o meio-campista chutou para fora.

O Madureira respondeu aos 11 minutos. Rhuan, livre pela direita, lançou para Luiz Paulo, que apareceu entre os zagueiros do cruzmaltino e cabeceou com muito perigo. Aos 20 minutos, o Tricolor Suburbano levou perigo novamente. Juninho ganhou de Cayo Tenório pela esquerda, entrou na área e tentou o chute cruzado, mas Ricardo Graça afastou o perigo.

O Vasco então começou a utilizar bastante as subidas de Cayo Tenório pela direita, pressionando o Madureira. Aos 27 minutos, o lateral-direito recebeu ótimo lançamento de Marquinhos Gabriel, avançou e tocou na medida para Matías Galarza que, de primeira, bateu de perna direita no cantinho esquerdo do goleiro para abrir o placar. Foi o segundo gol do volante paraguaio de apenas 19 anos, em sua quarta partida como profissional.

O Madureira respondeu três minutos depois em uma cobrança de falta de Breno. Lucão fez grande defesa e jogou para escanteio. O Cruzmaltino não ficou atrás e por pouco não ampliou aos 39 minutos. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Miranda, que driblou o adversário e tocou com categoria tentando o ângulo direito de Felipe Lacerda. A bola passou tirando tinta da trave.

O segundo tempo começou com as duas equipes errando demais, principalmente o último passe, o que facilitava a vida dos goleiros. Se estava difícil chegar perto, o Vasco ampliou chutando de longe. Aos 15 minutos, Zeca soltou o foguete de perna direita do meio da rua, acertando o ângulo direito de Felipe Lacerda e marcou o segundo do Gigante da Colina.

O Madureira reagiu. Aos 24 minutos, Juninho cobrou falta pela direita, rasteira, e Victor Feitosa desviou na primeira trave para diminuir o placar. Três minutos depois veio o empate. Mais uma falta, só que dessa vez pela esquerda. Rodrigo Yuri alçou a bola na área e o zagueiro Maurício Barbosa subiu sozinho para cabecear e deixar tudo igual no placar: 2 a 2.

No fim da partida, o Vasco perdeu três chances incríveis. Na primeira, aos 41 minutos, Ulisses cruzou na área e Tiago Reis teve liberdade para finalizar de cabeça, mas acabou jogando para fora. No minuto seguinte, Cano recebeu lançamento, dominou e, dentro da pequena área, chutou por cima do gol. Aos 44 minutos, Tiago Reis entrou na área e chutou cruzado, no rebote, Vinícius, livre na marca do pênalti, isolou a possibilidade da vitória.

Na próxima rodada, o Vasco enfrenta o Fluminense, terça-feira (30), às 21h35min, no Raulino de Oliveira. Já o Madureira encara o Botafogo quarta-feira (31) às 17h, no Giulite Coutinho.

Jornal Midiamax