Com lesão na virilha, Gómez inicia tratamento no Palmeiras para jogar final

Palmeiras não ia para uma final de libertadores desde 2000.

O zagueiro paraguaio Gustavo Gómez, do , iniciou nesta quarta-feira o tratamento para se recuperar de uma lesão na virilha esquerda sofrida na terça diante do River Plate, pela semifinal da . O defensor começou o trabalho para estar liberado o quanto antes para estar em campo na final do torneio no próximo dia 30, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. O clube não divulgou prazos de recuperação.

Gustavo Gómez sentiu a lesão ainda no primeiro tempo e teve de ser substituído por Luan a poucos minutos do intervalo. Apesar da derrota por 2 a 0, o confirmou presença na final da pela primeira vez desde 2000, ano em que foi vice da competição. Capitão do time, o zagueiro paraguaio atuou em todas as partidas da campanha da equipe até o momento.

Nesta quarta-feira, os titulares receberam depois da classificação para a final. Apenas precisaram ir ao treino jogadores que foram reservas na semifinal ou atletas que não foram utilizados. Todos retornam ao trabalho nesta quinta, quando o técnico português Abel Ferreira define a equipe para o jogo de sexta pelo . O adversário será o Grêmio, no estádio Allianz Parque, em São Paulo, pela 30.ª rodada.

Por uma coincidência, as duas equipes também vão se enfrentar daqui algumas semanas pela final da Copa do Brasil. Aliás, por ter se garantido na decisão da , o igualou um feito histórico do time gaúcho obtido em 1995. Naquela ocasião, o clube tricolor conseguiu chegar às decisões da e da Copa do Brasil, feito igualado somente agora pelo time paulista.

Com lesão na virilha, Gómez inicia tratamento no Palmeiras para jogar final
Mais notícias