Com objetivo de interagir alunos de escolas do campo, Semed realiza campeonato de futebol suíço

PMCG

Alunos das escolas do campo da Rede Municipal de Ensino (Reme) disputaram, nesta quarta-feira (20), no Clube Estoril, o 15º Campeonato de Futebol Suíço das Escolas do Campo.

O evento teve o objetivo de promover o congraçamento entre as escolas do campo da Rede Municipal, oportunizando um intercâmbio social e esportivo entre os alunos, valorizando o trabalho realizado pelos professores.

O 15º Campeonato de Futebol Suíço é uma promoção da Secretaria Municipal de Educação, através da Superintendência de Gestão de Políticas Educacionais, com a coordenação da Divisão de Esporte, Arte e Cultura, para alunos com idade entre 11 e 15 anos.

No campeonato participaram as escolas municipais Isauro Darthesy Novaes Caminha, Isauro Bento Nogueira – do Distrito de Anhanduí e Orlandina Oliveira Lima, reunindo 120 alunos da Reme.

O chefe da Divisão de Esporte, Arte e Cultura da Reme, Marcos Lopes, explicou a importância deste evento para os alunos da zona rural.

“Fomentar o futebol é mais uma ação que a Semed realiza, pensando nas crianças das escolas do campo. É uma oportunidade para elas saírem da escola e se integrarem com outros alunos das demais escolas do campo”, pontuou.

A professora de educação física, Rosimari de Souza, da Escola Darthesy, enfatizou o trabalho de congraçamento entre alunos.

“Trabalhamos com grande relevância a determinação, disciplina e socialização. É importante promover essa saída das crianças da zona rural para vivenciar estas experiências. Treinamos de forma intensificada durante o ano todo”, disse.

A aluna Michele Rodrigues, 13 anos, 8º ano da Escola Darthesy, que marcou dois gols no campeonato, comentou como foi seu treino. “O treinamento é puxado, mas  gosto de futebol. Treino duas vezes por semana e minha família apoia. Gosto de jogar meio-campo e lateral”, revelou.

Otavio Augusto de Oliveira Pires, 14, da Escola Municipal Orlandina Oliveira Lima, falou da sensação de participar do campeonato.

“A sensação de participar do  campeonato é boa, porque estamos confraternizando com outras escolas. Já disputei duas vezes e ficamos em segundo lugar. Treinamos bastante, desde o começo do ano, para vencer”, ressaltou.

Para o aluno Levi Santos Alves, 14 anos, do 8º ano, o campeonato foi uma oportunidade de mostrar seu melhor. Seu sonho é seguir carreira no esporte. “Quero dar o meu melhor porque minha vida se resume ao esporte. Adoro futebol, jogo desde pequeno. Sou atacante e meu sonho é ser jogador profissional”, revelou. Houve premiação com troféus e medalhas para as  três melhores equipes classificadas.

Mais notícias