Publicidade

Brasileiros vencem na repescagem e país segue com força máxima na etapa de Bali

A “Brazilian Storm”, como é chamado grupo de brasileiros que participam da elite do surfe, segue com força máxima na etapa de Bali, na Indonésia, a terceira da temporada de 2019 do Circuito Mundial. Três surfistas na chave masculina – Deivid Silva, Willian Cardoso e Jessé Mendes – e uma na feminina (Silvana Lima) avançaram na repescagem nesta terça-feira nas águas da praia de Keremas e se classificaram à terceira fase da competição.

Com ondas pequenas, o primeiro a entrar na água foi Deivid Silva Logo na primeira bateria, o paulista conseguiu uma classificação dramática ao deixar o australiano Jacob Willcox (10,67 a 10,10) para trás na última tentativa e garantir a segunda colocação. Com 14,60, o japonês Kanoa Igarashi passou em primeiro.

Willian Cardoso veio na sequência e também se garantiu com a segunda posição. O catarinense obteve 10,66 contra 10,90 do italiano Leonardo Fioravanti. O havaiano Ezekiel Lau fez 10,07 e foi eliminado. Por fim, na quarta e última bateria, Jessé Mendes se classificou também no sufoco. Ficou em segundo com 8,43 contra 8,40 do havaiano Sebastian Zietz.

Os três se juntam aos oito que passaram direto da primeira para a terceira fase. São eles: Gabriel Medina, Filipe Toledo, Michael Rodrigues, Jadson André, Ítalo Ferreira, Yago Dora, Caio Ibelli e Peterson Crisanto. Dois duelos envolvem brasileiros: Yago e Michael se encontram na segunda bateria, enquanto que Filipinho e Ibelli medem forças na nona. Atual bicampeão mundial, Medina duelará contra Fioravanti e Ítalo, vice-líder da temporada, disputará uma vaga nas oitavas de final contra o australiano Jack Freestone.

Entre as mulheres, Silvana Lima passou pela repescagem ao vencer a sua bateria com 13,53 no somatório das duas melhores ondas. A brasileira ficou na frente da norte-americana Courtney Conlogue, que fez 12,57, e da australiana Macy Callaghan, eliminada com 10,80.

Já pelas oitavas de final, Silvana terá pela frente a norte-americana Caroline Marks. Outra brasileira no Circuito Mundial, Tatiana Weston-Webb enfrentará a australiana Nikki Van Dijk.

Mais notícias