Brasil sofre, mas vence Chile e vai às quartas de final do Mundial Sub-17

A seleção brasileira sofreu na noite desta quarta-feira, mas garantiu seu lugar nas quartas de final do Mundial Sub-178, que está sendo disputado em solo nacional. O time da casa chegou a estar atrás do placar, mas buscou a vitória sobre o Chile por 3 a 2, no estádio Bezerrão, no Gama (DF).

O próximo adversário do Brasil vai sair do confronto entre Itália e Equador, que vão se enfrentar nesta quinta-feira, no Estádio Olímpico, em Goiânia. Se avançar, a seleção brasileira poderá ter pela frente numa eventual semifinal adversários como França e Espanha.

Favorito no duelo desta quarta, o Brasil saiu na frente logo aos 7 minutos de jogo, quando Kaio Jorge cobrou falta com categoria, batida quase da linha da área. A vantagem, contudo, durou somente até os 24. Num erro do Brasil na saída de bola, Cruz deu bote sobre a zaga nacional, driblou dois marcadores e bateu firme da entrada da área: 1 a 1.

Mais atento em campo, o Chile buscou a virada aos 40 minutos. Após lançamento em profundidade, o mesmo Cruz recebeu praticamente livre dentro da área, dominou com facilidade e bateu no canto.

O Brasil buscou a igualdade novamente antes do intervalo. Aos 45, Verón recebeu longo lançamento e, cara a cara com o goleiro chileno, perdeu a chance. No rebote, Kaio Jorge foi derrubado pelo goleiro dentro da área. Já nos acréscimos, aos 46, ele mesmo converteu ao finalizar no canto direito do chileno.

No segundo tempo, o Brasil decidiu o jogo e a vaga nas quartas aos 19 minutos. Diego Rosa acertou lindo chute de fora da área e marcou o terceiro dos anfitriões.

Nos minutos finais, o técnico Guilherme Dalla Dea ganhou uma preocupação em meio à comemoração pela classificação. O atacante Talles Magno sentiu dores nos instantes finais da partida e virou dúvida para o duelo das quartas de final.

FRANÇA E ESPANHA AVANÇAM – Mais cedo, seleções tradicionais, como as de França e Espanha, também asseguraram vaga nas quartas Os franceses golearam a Austrália por 4 a 0, enquanto os espanhóis derrotaram Senegal por 2 a 1. Já o México se garantiu nas quartas ao superar o Japão por 2 a 0.

Mais notícias