Campeonato de xadrez reúne 180 estudantes nos jogos escolares da Reme

Assessoria

Os Jogos Escolares da Reme reuniram nessa terça-feira (4), 180 alunos de 21 escolas que disputaram o campeonato de xadrez e damas, que integram os Jeres. O evento, que aconteceu na Associação Luso-Brasileira de Campo Grande – Estoril,  tem o objetivo de promover um intercâmbio social e esportivo entre as unidades de ensino da Rede Municipal de Ensino, revelando novos valores e incentivando os participantes ao seu progresso dentro da modalidade, valorizando o trabalho realizado pelos professores e alunos.

Os Jeres é uma promoção da Secretaria Municipal de Educação, através da Superintendência de Gestão de Políticas Educacionais, com a coordenação da Divisão de Esporte, Arte e Cultura (Deac). A intenção dos Jogos é o congraçamento entre os alunos e a oferta de ações educacionais através da interação entre estudantes da Reme, por meio de atividades esportivas e culturais, mobilizando a comunidade escolar.

Neste ano, participaram do campeonato as escolas Nagen Jorge Saad, Marina Couto Fortes, Santos Dumont, Nazira Anache, Irmã Edith Coelho Netto, Orlandina Oliveira Lima, Alcídio Pimentel, Maestro João Corrêa Ribeiro, Luiz Cavallon, Ione Catarina  _DSC4782Gianotti, Eduardo Olímpio Machado, Rachid Saldanha Derzi, Licurgo De Oliveira Bastos, Fauze Scaff Gattass Filho, Consulesa Margarida Maksoud Trad, Maria Lúcia Passarelli, Des. Carlos garcia queiroz, Prof. Nagib Raslan, Nerone Maiolino, Arassuay Gomes De Castro, Sen. Rachid Saldanha Derzi e Profª Iracema De Souza Mendonça.

Para este campeonato de xadrez e dama foram montadas 85 mesas, com tabuleiros, peças e os relógios, totalizando seis e cinco rodadas de emparceiramento, masculino e feminino, respectivamente.

A Semed contou com a parceria da Federação Sul-Mato-Grossense de Xadrez, utilizando o emparceiramento Swiss-Manager, onde todos os professores puderam acompanhar todas as informações, atualizações e emparceiramento do evento pelo link do torneio. Neste sistema, os atletas participantes jogam todas as rodadas possíveis, independente da vitória ou derrota. Em cada rodada os alunos mudam de mesa, obedecendo ao emparceiramento. As primeiras posições correspondem àqueles que possuem mais vitórias.

O técnico responsável por coordenar as modalidades de dama e xadrez no DEAC, Marcio Ângelo Moreira, explica a importância pedagógica do campeonato. “O xadrez atua intensificando a concentração. A modalidade ajuda na atenção do atleta e em consequência contribui para o seu desenvolvimento em  outras disciplinas também”, disse.

Para o chefe da Deac, Marcos Lopes, o evento esportivo motiva os alunos. “É importante fazer essas atividades para incentivar as crianças com atividades esportivas, que ajudam no dia-a-dia, nas disciplinas de matemática e de português. Isso contribui com a melhora do desempenho escolar”, disse.

Emoção

O aluno Lucas da Cruz, de 14 anos, da Escola Municipal Santos Dumont, disputou a modalidade xadrez e levou a medalha de ouro.  “Foi bem empolgante, cheguei de raspão, porque o adversário era muito forte. Eu disputo tem uns quatro anos. Iniciei na escola a modalidade. Minha família acredita em mim e me ajuda. O xadrez me ajuda muito na escola a raciocinar”, explicou._DSC4888

Feliz com a conquista de seu aluno, a professora de Educação Física, Márcia Montovani, falou sobre a emoção de ver seu aluno conquistando o pódio.  “É muita emoção porque acompanhei todo o crescimento dele. Ele entrou no projeto não sabendo muito e fui acompanhando a sua evolução. Faz quatros anos que está comigo e finalmente ele conseguiu a medalha de ouro tão almejada”, disse.

A professora Márcia atribui a vitória de seu aluno a escola, família e o empenho do próprio aluno em querer praticar a modalidade. Ela acredita que o xadrez contribui muito para o raciocínio lógico da criança, que desenvolve melhor a concentração nas atividades do dia-a-dia.

Já no feminino, a campeã que levou o ouro foi a estudante Ana Carolina de Veiga, de 13 anos, que estuda na Escola Municipal Carlos Garcia de Queiroz.

“Foi muito empolgante porque eu não esperava, faz tempo que não jogo. Eu pratico xadrez há cinco anos. O que me levou a praticar foi o estímulo que recebi na escola, quando estava ainda no terceiro ano”, destacou ela.

A vitória não foi somente para Ana, sua irmã, a aluna Maria Eduarda Veiga, do 8º ano da escola Carlos Garcia, também pontuou e conquistou o bronze. A aluna mencionou que a família estimula as duas a participarem dos jogos.

Dama

Aluno da Escola Municipal Nagem Jorge Saad, Ariel Rodrigues, de 12 anos, do 5º ano, participou do evento pela primeira vez e já ganhou sua primeira medalha. O resultado agradou muito, pois com pouco tempo de treinamento na modalidade, conquistou o ouro. “Foi bom, gosto muito de dama e foi interessante ganhar. Estou praticando só faz um mês. Meus pais me ensinam e meu avô me ajuda também. A prática de dama me ajuda na memória, a pensar rápido, armar jogadas”, pontuou.

Para o aluno Daniel de Souza, de 13 anos, colega de escola de Ariel, o resultado foi satisfatório. O estudante classificou-se em terceiro lugar, conquistando medalha de bronze. “Eu jogo de vez em quando com o professor e com meus amigos na aula de Educação Física. Meus pais falam sempre para eu me esforçar para ser um jogador de dama. Ano que vem vou vir novamente e quero ficar em primeiro lugar”, disse.

 

Classificação feminino

 

1° Ana Carolina de Oliveira Vega – E.M. DES. CARLOS GARCIA QUEIROZ

 

2° Izabel Cristina B. Analeto – E.M. MAESTRO JOÃO CORRÊA RIBEIRO

 

3° Marcela de Oliveira Gomes – E.M. PROF.º MARINA COUTO FORTES

 

4º Karolaine Gonçalves Da Silva – E.M. IRMÃ EDITH COELHO NETO

 

5° Maria Eduarda de Oliveira Vega – E.M. DES. CARLOS GARCIA QUEIROZ

 

6° Laura Caroline Parahyba – E.M. PROF. NAGIB RASLAN

 

7° Kelly Kethyllin B. Victório – E.M. MAESTRO JOÃO CORRÊA RIBEIRO

 

8° Maria Eduarda Carvalho Vargas – E.M. PROF.º MARINA COUTO FORTES

 

9° Maria Eduarda da Silva Mera – E.M. PROF.º MARINA COUTO FORTES

 

10° Evelyn Carlos Benites – E.M. PROF. NAGIB RASLAN

 

11° Débora Vitória de Souza Pereira – E.M. EDUARDO OLÍMPIO MACHADO

 

12° Ana Claudia Silva – E.M. EDUARDO OLÍMPIO MACHADO

 

13° Clara Sophia Arce Servin Areco – E.M. SANTOS DUMONT

 

14° Eloisa Camparim Fogaça – E.M. LUIZ CAVALLON

 

15° Ludmila França De Oliveira – E.M. PROF.º MARINA COUTO FORTES

 

16° Valéria Gomes Neres – E.M. NAZIRA ANACHE

 

17° Sabriny Vitória de Souza Ferreira – E.M. NAZIRA ANACHE

 

18° Alexsandra Peralta Salomão – E.M. VANDERLEY ROSA DE OLIVEIRA

 

19° Ana Leticia VANDERLEY – E.M. ROSA DE OLIVEIRA

 

20° Gabrielly Rianne Lescano da Silva – E.M. NAGEN JORGE SAAD

 

 

 

Classificação masculino

 

1° Lucas Yuji Ono da Cruz – E.M. SANTOS DUMONT

 

2° Enzo Elvine Cunha Neves – E.M. DES. CARLOS GARCIA DE QUEIROZ

 

3° Kauã Gonçalves Da Silva – E.M. IRMÃ EDITH COELHO NETTO

 

4° Lorran Lucas Arinos Delmondes – E.M. NERONE MAIOLINO

 

5° Guilherme Giovane R. Morais – E.M. RACHID SALDANHA DERZI

 

6° Igor Fernando Pereira da Silva – E.M. NERONE MAIOLINO

 

7° Helemã de Almeida Rodrigues – E.M. LICURGO DE OLIVEIRA BASTOS

 

8° Rafael de Souza Lima – E.M. VANDERLEI ROSA DE OLIVEIRA

 

9° Juan Moraes Ruiz – E.M. DR. EDUARDO OLÍMPIO MACHADO

 

10° Gabriel Isaac Sandim Dutra – E.M. LICURGO DE OLIVEIRA BASTOS

 

11° Fernando Gabriel Moura Sanchez – E.M. NAZIRA ANACHE

 

12° Eduardo Godoy Benites – E.M. ALCIDIO PIMENTEL

 

13º Noberto da Silva Candido Bento – E.M. PROF. NAGIB RASLAN

 

14° Jeferson Nascimento de Freitas – E.M. LICURGO DE OLIVEIRA BASTOS

 

15° Jonnas da Silva Santos – E.M. PROFª IRACEMA DE SOUZA MENDONÇA

 

16° Carlos Henrique Roque – E.M. VANDERLEI ROSA DE OLIVEIRA

 

17° Bernardo Willian De Souza Pereira – E.M. DR. EDUARDO OLÍMPIO MACHADO

 

18° Wesley Leite Barbosa Xavier – E.M. SANTOS DUMONT

 

19° Emerson Gustavo Pimentel – E.M. MARIA LÚCIA PASSARELLI

 

20° Hyuri Laurindo Nantes – E.M. VANDERLEI ROSA DE OLIVEIRA

Campeonato de xadrez reúne 180 estudantes nos jogos escolares da Reme
Mais notícias