Atlético-MG leva susto, mas estreia com goleada na Copa São Paulo

Atlético-MG reagiu e goleou o Sete de Setembro-AL, por 5 a 2, neste domingo.

Depois de sofrer a virada no primeiro tempo e preocupar seus torcedores, o Atlético-MG reagiu e goleou o Sete de Setembro-AL, por 5 a 2, neste domingo, em São Bernardo do Campo, em sua estreia na Copa São Paulo de Futebol Júnior. O time mineiro divide a liderança do grupo T com o anfitrião São Bernardo, que também venceu por três gols de diferença.

Em busca do quarto título do tradicional torneio, o Atlético enfrentou dificuldade, principalmente no primeiro tempo, e levou um susto ao ver o Sete de Setembro fazer 2 a 1. Mais organizado na etapa final e com a queda de rendimento do adversário, o time comandado por Rogério Micale evitou a zebra na estreia.

Nas preliminar, o São Bernardo venceu o Unaí-DF, por 4 a 1, de virada, e assumiu a liderança do grupo pelo saldo de gols. O time visitante abriu o placar com um gol de bicicleta de Paulinho aos 5min do primeiro tempo. A virada da equipe paulista veio ainda na primeira etapa. Paulo Marcelo empatou aos 26min e ampliou aos 36min, Gabriel, aos 39min, e Jonathan, aos 45min, completaram a goleada dos donos da casa.

Atlético volta a jogar na próxima quarta-feira, contra o Unaí, às 19h. O Sete de Setembro enfrenta o anfitrião São Bernardo no mesmo dia, na preliminar marcada para as 17h.

Fases dos jogos: A partida começou equilibrada no estádio Baetão, que utiliza um grama sintética. O Atlético tentou pressionar o adversário, mas parou na forte marcação dos alagoanos. Mesmo assim, o time mineiro abriu o placar aos 23min. O goleiro Max rebateu uma bola cabeceada por João Figueiredo. Yago, também de cabeça, completou para o gol. O Sete de Setembro manteve ritmo e reagiu na partida. O empate veio aos 32min. Rafael driblou o zagueiro Natan e finalizou no canto direito. A virada ocorreu aos 44min. Em contra-ataque rápido, Victor Saci passou pelo goleiro Rodolfo e, com tranquilidade, deu um toque de categoria no ângulo superior esquerdo.

O segundo tempo começou quente. O árbitro marcou pênalti para o Atlético aos 12min, quando a bola tocou no braço erguido de Luizinho dentro da grande área. Yago cobrou no canto esquerdo, mas o goleiro Max defendeu. Na sequência, o volante atleticano se redimiu e empatou a partida ao marcar de cabeça. O time mineiro virou a partida aos 19min. Leonan cobrou falta e acertou o canto esquerdo.

Depois de virar a partida, o Atlético passou a administrar o resultado. Com o adversário sem reação em campo, o time mineiro ampliou aos 37min, com o zagueiro Natan, de cabeça. Luiz Guilherme, que entrou na etapa final, selou a vitória alvinegra aos 43min.

Mais notícias