Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Serviços e indústria impulsionaram empregos na Capital, diz Funsat

Admitidos 7.212  e demitidos 6.920 trabalhadores,

De acordo com os dados do  Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged),  no mês de setembro, em Campo Grande, foram admitidos 7.212  e demitidos 6.920 trabalhadores, resultando no saldo positivo de 292 postos de trabalho com carteira assinada, uma variação de  0,15%.

De acordo com o diretor-presidente da Fundação Social do Trabalho (Funsat), Cleiton Franco, o setor de serviços impulsionou a criação de vaga no mês de setembro, seguido pela indústria de transformação, o que  demonstra o aquecimento desses setores na economia local e nos preparativos para o final do ano.

Setores – Em termos setoriais, os dados mostram que dos oito setores de atividade econômica  seis apresentaram  crescimento no nível de emprego. Destacaram-se, pela ordem, Serviços (+104 postos), Indústria de Transformação (+78 postos), Comércio (+57 empregos), Agropecuária (+27empregos), construção civil (+15 postos) e  Serviços Industriais de Utilidade Pública (+14 postos). Por sua vez, o setor da Extrativa Mineral  apresentou o estoque zerado, já o setor da Administração Pública apresentou saldo negativo de -3 postos.

O setor de Serviços registrou o maior número de contratações com carteira assinada no  mês de setembro, com saldo de 104 empregos.  Esse resultado foi impulsionado pelo subsetor do serviços de comércio e administração de imóveis, valores mobiliários e serviços técnicos.

O segundo destaque foi o setor da Indústria de Transformação, que registrou o saldo positivo de 78 novos empregos. Esse resultado foi obtido pelo bom desempenho dos  subsetores da indústria da borracha, fumo, couros, peles, similares e indústrias diversas, indústria da madeira e do mobiliário e da indústria química de produtos farmacêuticos, veterinários e perfumaria.

No comparativo da evolução do emprego entre o país, o estado e o município de Campo Grande, o desempenho da Capital no estoque do saldo de empregos no mês de setembro apresentou a variação percentual do emprego de 0, 15,%, com o saldo positivo de 292 empregos gerados.  O estado de Mato Grosso do Sul apresentou a variação negativa de  0,04% com o saldo de – 199 postos de trabalho e o país registrou o saldo positivo de 34.392 postos de trabalho, com variação positiva de +0,1% em relação ao estoque de emprego do mês anterior.

Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (20) pelo Caged – Cadastro de Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho, com informações organizadas pela Funsat.

 

Você pode gostar também