Comitê descarta novo fechamento do comércio em Dourados

Crescimento no número de casos já era esperado e no momento não irá afetar o setor

Mesmo diante  de mais nove testagens positivas  de coronavírus em Dourados e que já se aproxima de 100 casos confirmados, as autoridades sanitárias do município descartam novo fechamento do comercio. A informação é do Comitê de Gerenciamento de Crise em Dourados, durante coletiva realizada na manhã desta sexta-feira (22), na Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados).

“O crescimento no número de casos confirmados em Dourados é preocupante sim, mas não representa nenhuma novidade, diante do que já estávamos esperando para esse momento de enfrentamento da pandemia”, disse o assessor de Gabinete da prefeitura e membro do comitê, Alexandre Mantovani.

Segundo ele, que também foi respaldado pelo médico Frederico Weissinger, se por um lado  “não se fala em fechamento do comércio novamente”, por outro também não existe nenhuma conversa relacionada às novas flexibilizações.

A notícia foi bem recebida pelo presidente da associação  Nilson Aparecido dos Santos que afirma que a pandemia  deixou exposta a fragilidade do comércio, mas que  também está servindo de lição, uma vez que “não existe zona de conforto em nenhum setor da sociedade e que no comércio a situação não é diferente.

“Muita gente acabou fechando as portas ou teve que reduzir de forma considerável seus quadros de funcionários”, afirma o dirigente, reconhecendo que a situação exige dos empresários uma “reinvenção de procedimentos”.

Um breve balanço apresentado pela Aced revela que  desde o dia 12 de março 14 estabelecimentos comerciais foram fechados na cidade. O setor mais atingido foi o de caçados e confecções. “Por outro lado, também tivemos a abertura de 14 novas lojas”, comentou Flávio Delgado, que representa a Aced no Comitê de Gerenciamento de Crise do Coronavírus em Dourados.

Medidas

A entrevista coletiva realizada na sede da Associação Comercial de Dourados foi presencial, mas cercada de todas as medidas preventivas para evitar qualquer tipo de contágio com uso de máscaras e distanciamento entre jornalistas e fontes.

Comitê descarta novo fechamento do comércio em Dourados
Mais notícias