Saques de R$ 998 do FGTS começam na próxima semana

Os saques começam no dia 20 de dezembro e trabalhadores que já sacaram R$ 500 poderão receber a diferença

O novo limite de saque para o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), que agora é de R$ 998, poderá ser sacado a partir do dia 20 de dezembro. O anúncio foi realizado em uma live no perfil do Facebook do presidente Jair Bolsonaro, na noite da última quinta-feira (12).

A revelação da data de início dos saques com o novo valor do FGTS foi feita pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães. “Ontem foi promulgado e a gente vai dar em primeira mão dar a data: a Caixa Econômica Federal irá realizar esse pagamento no dia 20 de dezembro”, disse ele ao lado de Jair Bolsonaro.

Segundo o presidente o ajuste do valor foi para atender aos cidadãos que reclamavam do limite anterior, de apenas R$ 500. “Muita gente reclamou, dizendo que era pouco, mas muita gente gostou também. Houve um pedido para aumentar o limite para R$ 998, ou seja, completar o valor do salário mínimo”, explicou Jair.

Como funciona o novo limite?

Foi sancionada na última quinta-feira (12), uma Medida Provisória (MP) que acrescenta novas regras para o saque do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). A partir de agora, as pessoas que possuíam saldo total do fundo em até R$ 998 poderão sacar todo o valor, que corresponde a um salário mínimo.

Os trabalhadores que já sacaram os R$ 500 no período indicado, podem realizar um segundo saque, no valor restante de R$ 498. O prazo limite para quem pode sacar este novo valor é até 31 de março de 2020.

Segundo informações da Caixa, 10,1 milhões de brasileiros serão beneficiados, gerando um saque de até R$ 2,6 bilhões. O Governo Federal estima que, com a MP, cerca de R$ 3 bilhões sejam injetados na economia nacional.

 

Saques de R$ 998 do FGTS começam na próxima semana
Mais notícias