Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Consumo de energia em dezembro foi maior que no mesmo período em 2017, aponta Energisa

Altas temperaturas podem estar relacionadas ao aumento do consumo

O consumo de energia em MS no mês de dezembro de 2018 foi 5% maior que no mesmo período em 2017, conforme anunciou nesta quarta-feira (9) a Energisa de Mato Grosso do Sul. Segundo a concessionária, pode estar relacionado ao aumento as altas temperaturas registradas, que tiveram um aumento médio de 4%, de acordo com o CPTEC (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos).

A diferença equivale ao consumo mensal de uma cidade do porte de Corumbá, com 110 mil habitantes. De acordo com o levantamento, o aumento do consumo foi observado principalmente no período da tarde, com pico por volta das 15h, quando as temperaturas costumam aumentar.

O clima, portanto, induz cunsumidores e estabelecimentos comerciais e industriais a aumentar a utilização de aparelhos climatizadores, como ar condicionado e ventiladores, bem como equipamentos de refrigeração, como freezers, geladeiras e câmeras frias.

“Buscar novas tecnologias e o uso consciente é fundamental para mitigar esse aumento no consumo de energia elétrica”, destaca Antonio Matos, gerente de Planejamento e Orçamento da EMS.

Horário de Verão

Iniciado em 4 de novembro de 2018, o Horário de Verão foi estabelecido a cerca de dois meses da chegada oficial do verão, celebrado em 21 de dezembro. A estratégia aproveita a mudança de inclinação do planeta, que torna os dias mais longos, para promover a economia de energia.

Tradicionalmente, o período tem início em outubro. Contudo, em 2018, o período eleitoral e o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) pressionaram o governo a adiar a estipulação. O período segue até o dia 16 de fevereiro, quando os relógios deverão ser atrasados em uma hora.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...
CallYm(3,"MDM_intext_video","[1, 1]",1,1,"lpr5ji");