Confiança do empresário do comércio atingiu pico em dezembro na Capital

Empresários estão otimistas com a economia brasileira, segundo pesquisa

A confiança do empresário do comércio de Campo Grande registrou um pico no mês de dezembro de 2018, em comparação ao mesmo período do ano de 2017.

De acordo com a Fecomércio (Federação do Comércio do Estado do Mato Grosso do Sul) o ICEC (Índice de Confiança do Empresário do Comércio) atingiu 128,9 pontos, o que representa 9% a mais que em dezembro de 2017 e reação de 6,4% no comparativo com o mês anterior, novembro.

Ainda, de acordo com dados divulgados pela Federação, os empresários estão otimistas com a economia brasileira. Para 45,4% deles a expectativa melhorou muito, 48,4% acreditam que melhorou pouco. Para 3,6% piorou pouco e 2,7% afirmam que a expectativa da economia piorou muito.

Os dados apontam que 52,3% dos empresários acreditam que a expectativa para o comércio melhorou muito e 1,5% que piorou muito. Falando de contratação de funcionários, 63% dos empresários afirmam que aumentou pouco e 19% que aumentou muito, segundo a Fecomércio.

Também, em relação a investimento, de acordo com a Federação, 38,5% investiram pouco mais e 14,6% dos empresários afirmam ter investido muito.

Pesquisa

A pesquisa do Índice de Confiança do Empresário do Comércio tem como objetivo produzir um indicador inédito com capacidade de medir, com a maior precisão possível, a percepção que os empresários do comércio têm sobre o nível atual e futuro de propensão a investir em curto e médio prazo.

São pesquisadas no mínimo 185 empresas de Campo Grande. A coleta dos dados é realizada sempre nos últimos dez dias do mês imediatamente anterior ao da divulgação da pesquisa. Assim, os dados do ICEC de dezembro/2018 foram coletados nos últimos dez dias do mês de novembro/2018.

Mais notícias