Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Carnaval deve injetar 5% na economia de Campo Grande

De acordo com levantamento, campo-grandenses têm viajado menos durante feriado de Carnaval e vão gastar mais na Capital

O Carnaval este ano deve injetar 5% na economia de Campo Grande, de acordo com levantamento do Instituto de Pesquisa da Fecomércio-MS. A expectativa de incremento na economia é baseada nos resultados dos últimos anos. Os R$ 48 milhões registrados em 2018, foram 18% maior que o verificado no ano anterior (2017), de R$ 40 milhões.

De acordo com a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur) as pesquisas da Fecomércio mostram a tendência de movimentação econômica e a quantidade de pessoas motivadas a gastar nos dias de folia. O levantamento mostra que os campo-grandenses têm viajado menos durante o Carnaval. Houve redução na quantidade de pessoas que pretendiam viajar em 2018, de 21,85% para 15,9%.

Em Campo Grande serão cinco noites de folia, com bandas de renome. A Sectur aguarda posicionamento do Ministério Público Estadual (MPE), ao qual foi apresentado o projeto. O MPE vai decidir também se os grupos independentes, como o Cordão Valu, poderão se apresentar na Esplanada Ferroviária, como acontece todos os anos.

No Carnaval de 2019, além dos eventos na Avenida Interlagos, acontecem as apresentações dos blocos e cordões independentes, das escolas de samba e dos blocos oficiais.

Comentários
Carregando...