Caiu em golpe e ficou sem o auxílio emergencial de R$ 600? Saiba como evitar e denunciar

Para evitar cair em golpes ou quem quiser denunciar o crime, pode comunicar o fato pela internet ou na DPU

Desde a aprovação do devido à pandemia da Covid-19, o novo coronavírus, em março, foram mais de 10 mil procedimentos de assistência jurídica instaurados pela Defensória Pública da União relacionados ao benefício.

De acordo com a Caixa, 59 milhões de pessoas foram beneficiadas pelo programa. O número de pedidos negados passa dos 40 milhões, e mais de 500 mil cadastros foram fraudados.

Os moradores que tiveram o seu benefício fraudado não conseguiram sacar o valor, pois na maioria das vezes, o CPF (Cadastro de Pessoa Física) havia sido usado para burlar o cadastro e prejudicar o real beneficiário.

Nesses casos, a pessoa que for vítima de golpe no , deve registrar denúncia no sistema Fala.BR, plataforma integrada de Ouvidoria e Acesso à Informação da CGU (Controladoria Geral da União, ou através dos telefones 121 ou 0800 7070 2003.

Passo a passo da denúncia no site:

  1. O morador deve fazer cadastro clicando em “entrar com gov.com.br”
  2. Caso não queira ser identificado, basta clicar na opção “Continuar sem me identificar”;
  3. Clicando na opção para denunciar, o morador deverá informar o CPF ou caso já tenha um login no “gov.com.br”, a denúncia prosseguirá;

Denunciar na DPU-MS

Outra opção para quem caiu em golpe e deseja denunciar, pode denunciar à repartição da DPU (Defensoria Pública da União) em Mato Grosso do Sul. Vale lembrar que, por ser um benefício federal, é importante que a denúncia seja feita na DPU. Em Campo Grande, o prédio fica localizado na Rua Dom Aquino, 2350, no Centro.

O horário de funcionamento da DPU em Campo Grande (MS) é das 08:00 às 14:00, de segunda a sexta-feira, com atendimento presencial restrito a matérias urgentes devido à pandemia, portanto, deve-se entrar em contato por e-mail ou telefone para tirar as dúvidas. O telefone de contato é (67) 3311-9850 e e-mail atendimentodpums@dpu.def.br.

Não caia em golpe

As únicas maneiras de acessar o sistema de cadastro disponibilizado pelo governo são:

  • Fazendo inscrição pelo site da Caixa
  • Baixando o aplicativo para celulares com sistema Android
  • Baixando o aplicativo para iOS (celulares da Apple)
  • “Não siga links recebidos por Whatsapp/email/SMS”, alerta Süffert.

Na dúvida, sempre confira o site oficial da Caixa Econômica para o auxílio emergencial e cheque informações e links.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, alertou para o risco de fraudes e e destacou que o único aplicativo verdadeiro é o Caixa . E o site correto é o ‘auxilio.caixa.gov.br’. “Só esses. Qualquer outro site ou app é falso”, afirmou.

Outro meio de tirar dúvidas sobre o benefício é no telefone 111, lançado pela Caixa Econômica.

Caiu em golpe e ficou sem o auxílio emergencial de R$ 600? Saiba como evitar e denunciar
Mais notícias