Procon multa Gol em R$ 3,5 milhões por anunciar passagem a R$ 3,90

A empresa oferecia bilhetes internacionais para turistas viajarem pela América do Sul

Não foi dessa vez que os brasileiros conseguiram viajar para o exterior pagando menos que um passe de ônibus. A ação promocional da Gol Linhas Aéreas em que vendia passagens para voos internacionais a R$ 3,90 acabou “dando ruim” e a empresa foi multada em R$ 3,5 milhões pelo Procon-São Paulo por infringir CDC (Código de Defesa do Consumidor).

A promoção dava a oportunidade os internautas comprar bilhetes para Argentina, Bolívia, Chile, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai no dia 18 de junho, entre 21h30 e 23h30, horário em que acontecia o jogo do Brasil contra a Venezuela pela Copa América. A possibilidade de conhecer os países vizinhos animou os internautas, mas a empolgação não durou muito.

Conforme a Folha, a empresa foi notificada pelo Procon-SP no dia seguinte após inúmeras reclamações dos consumidores que apontaram problemas para efetuar a compra.

Outro erro cometido pela empresa e que foi constatado pelo Procon, foi a venda de 140 bilhetes, sendo 78 para agências de viagens o que, segundo o órgão, seria um desrespeito para o Código de Defesa do Consumidor.

A empresa não se manifestou para a imprensa e decidiu permanecer calada sobre o tema.

Mais notícias