Preço do GNV tem pouca variação nos postos de Campo Grande

Foram sete estabelecimentos pesquisados na Capital

A equipe do Procon (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) Estadual fez uma pesquisa com a coleta de preços em sete postos de combustíveis em Campo Grande para saber sobre os valores de GNV (Gás Natural Veicular).

Durante a pesquisa, os fiscais verificaram a diferença de 3,48% nos preços para a venda em dinheiro entre o posto mais caro e o mais barato. Já para o pagamento no cartão de débito ou crédito, houve diferença de 3,36%. Os valores de venda encontrados pelos pesquisadores foram R$ 2,898 para o mais barato e R$ 2,999 o mais caro.

Os estabelecimentos pesquisados foram Posto 1 000 (avenida Manoel da Costa Lima), Aliança (avenida Mato Grosso), Allloy (avenida Fernando Corrêa da Costa), Miranda (avenida Marechal Deodoro), Paulista (avenida Calógeras), Pegoraro (rua João Rosa Pires) e Pororoca (avenida Costa e Silva).

A pesquisa em referência ocorreu no período entre a sexta (22) e a segunda-feira (25). “O consumidor que pesquisa preços sempre tem oportunidade de economizar”, diz o Procon. Confira a pesquisa completa.

(com informações do Procon-MS)

Mais notícias