Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Atacadista e mercado de Campo Grande são flagrados vendendo carne e cerveja vencidos

Coração bovino estava vencido desde novembro e bebidas desde janeiro

A unidade do Fort Atacadista localizado na Avenida Marques de Lavradio e a unidade do Supermercado Comper da Rua 13 de maio, em Campo Grande, foram autuados pelo Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) após serem flagrados com exposição de produtos impróprio ao consumo devido à data de validade, alguns desde novembro do ano passado.

Durante a fiscalização, ocorrida entre os dias 26 e 27 deste mês, equipes do Procon-MS verificaram a existência de diversos produtos impróprios ao consumo. Embalagens de coração bovino com cerca de oito quilos, por exemplo, venceram em novembro de 2018. Várias latas de cervejas estavam vencidas em janeiro. Outros produtos não apresentaram informações sobre prazos ou procedência.

De acordo com o Procon-MS, no Fort Atacadista, 265 latas de cerveja foram consideradas impróprias ao consumo e descartadas por estarem com prazo de validade vencido ou, apesar de expostas ao consumo, apresentarem embalagens avariadas.

Já no Comper, foram encontradas 15 embalagens com 9kg de linguiça, 8kg de coração bovino, coxas e sobrecoxas de frango, queijo tipo mussarela e pães de diversos tipos, entre outros, sem condições de serem comercializadas.

Todo o material impróprio foi descartado por funcionários dos estabelecimentos na presença dos fiscais do Procon-MS, que foram alertados das irregularidades após denúncias feitas pelos canais disponibilizados no site da superintendência. “Assim podermos inibir a comercialização de itens que possam prejudicar a saúde das pessoas”, destaca Marcelo Salomão, titular do Procon-MS.

A reportagem entrou em contato com as unidades fiscalizadas e aguarda posicionamento.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...