Cliente compra celular pela internet e recebe caixa com luvas sujas em Campo Grande

O celular custou R$ 1,3 mil, mas o pacote não veio com o pedido

Uma consumidora campo-grandense levou um susto nesta segunda-feira (2) ao receber o pedido de um celular que comprou pela internet. Animada com a chegada da compra, a cliente abriu a caixa do pedido e teve uma surpresa nada agradável: o pedido dela não estava no pacote.

Moradora do bairro Nova Lima, a consumidora comprou um celular Samsung A50 por R$ 1.375 no site do Carrefour no dia 23 de novembro. O pedido foi entregue nesta segunda (2), mas ao invés do celular, a caixa trazia luvas sujas e sachês de ketchup e maionese.

“Foi totalmente decepcionante. Quando chegou, notamos que estava leve. Como os aparelhos da Samsung são leves e estava lacrado por fora, eu fiquei tranquila. Quando abri a caixa, vi que a caixinha do celular estava violada e quando tiramos, tinha luvas sujas e sachês”, relata a cliente, que preferiu não ser identificada na matéria.

Ela conta que o pedido foi entregue por uma transportadora e que a caixa não tinha nenhum sinal de violação. Depois do susto, ela entrou em contato com a empresa e deve aguardar cinco dias para resposta.

A cliente conta que sempre compra online e escolhe sempre sites mais conhecidos, para ter mais segurança. “Sempre busco comprar em lojas renomadas, para não ter problema. Vou continuar comprando pela internet, mas fiquei com receio de comprar no Carrefour”.

O Carrefour, por meio de sua assessoria, se manifestou e afirmou que enviará um novo celular para o cliente e acompanhará o caso. Confira a nota na íntegra:

“O Carrefour lamenta o caso ocorrido. A empresa entrou em contato com a cliente, assim que soube do ocorrido, a fim de oferecer todo o suporte necessário. Um novo aparelho celular será enviado, com urgência, e a rede acompanhará todo o processo até a entrega do produto. A companhia reafirma seu compromisso em oferecer a melhor experiência de compras, respeitando a legislação e o Código de Defesa do Consumidor.

(Matéria atualizada às 15h48 para acréscimo de informação)

Mais notícias