Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Procon-MS realiza fiscalização e encontra irregularidades em açougue e mercado

Em casa de carnes, mercadorias impróprias foram encontradas

O Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor de Mato Grosso do Sul) realizou fiscalização em uma casa de carne e um açougue de Campo Grande, no último fim de semana. Foram encontradas irregularidades no atendimento e produtos impróprios para o consumo.

Conforme informações divulgadas pelo Procon-MS, o descumprimento à legislação, em ambos os estabelecimentos foram, principalmente, relacionadas ao atendimento prioritário envolvendo gestantes, lactantes, mães acompanhadas por crianças de colo, pessoas com deficiência e TNA (Transtorno de Espectro Autista).

No Supermercado Comper, da Vila Carlota, no mesmo em dia de promoção, o número de caixas era insuficiente para o atendimento. De 15 existentes, apenas cinco estavam funcionando. No estabelecimento foi detectada a falta de moedas para troco, se configurando em mais uma forma de prejuízo ao consumidor.

Na casa de carnes Big Beef, as irregularidades foram, além do descumprimento de prioridades tanto na fila para compras como nos caixas, a exposição para venda de produtos vencidos tais como oito pacotes de charque vencidos em outubro e novembro desde ano, farinha de mandioca, sorvete, bacon, pimenta em grãos e cervejas diversas.

Os dois estabelecimentos foram autuados e os produtos impróprios ao consumo descartados na presença de representantes dos locais.

A fiscalização foi realizada em atendimento ao Oficio 944/2 018, do Ministério Público Estadual, através da 67 Promotoria de Justiça dos Direitos Humanos de Campo Grande, assinado pelo promotor Eduardo Franco Candia.

O superintendente do Procon, Marcelo Salomão, destacou, por meio de nota, que “a parceria do Ministério Público Estadual na defesa do consumidor é muito importante. Ela nos dá respaldo e aumenta a segurança para podermos desenvolver nosso trabalho e, com isso,  quem mais  ganha é o cidadão que passa a ter ainda mais confiança nas ações que desenvolvemos”.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...