Cotidiano

VÍDEO: Temporal alaga cidade de MS e leva até teto da PRF

Temporal acompanhado de rajadas de vento e chuva forte atinge o município de São Gabriel do Oeste, a 141 quilômetros de Campo Grande, na tarde desta sexta-feira (26). Com a ventania, o teto da a base da PRF (Polícia Rodoviária Federal) caiu em cima de fiação elétrica. Vários pontos da cidade ficaram alagados com o […]

Karina Campos Publicado em 26/02/2021, às 16h30 - Atualizado em 27/02/2021, às 08h54

(Foto: Leitor Midiamax)
(Foto: Leitor Midiamax) - (Foto: Leitor Midiamax)

Temporal acompanhado de rajadas de vento e chuva forte atinge o município de São Gabriel do Oeste, a 141 quilômetros de Campo Grande, na tarde desta sexta-feira (26). Com a ventania, o teto da a base da PRF (Polícia Rodoviária Federal) caiu em cima de fiação elétrica.

Vários pontos da cidade ficaram alagados com o volume de chuva, desde a noite de quinta-feira (25). Na Avenida Mato Grosso do Sul, condutores tiveram que se arriscar na enxurrada. Segundo o portal Veja Aqui MS, uma motociclista chegou a cair na rotatória da Avenida Dom Pedro I, sendo socorrida por moradores.

Na Rua Paraná, a dificuldade em transitar também preocupou vizinhos e comerciantes. No Centro da cidade e no Jardim Gramado, a água invadiu residências e estabelecimentos. Funcionários de uma loja tiveram que enxugar o local.

O prefeito Jeferson Luiz Tomazoni (PMDB), disse ao Jornal Midiamax que o volume de chuvas está sendo monitorado e as equipes de infraestrutura estão acompanhando o número de estragos na cidade.

“Desde ontem, foram mais de 130 mm de chuva forte. A estrutura de drenagem do município não conseguiu comportar. Moro aqui há 45 anos, nunca tinha visto uma chuva de tamanha intensidade. Tivemos prejuízo no perímetro urbano, com a chuva de hoje, já tivemos danos na rede elétrica, queda de postes nas áreas que ligam as chácaras próximas, galerias que excederam e danificaram o asfalto”, disse.

Ainda segundo ele, nenhum dano de grande proporção ainda foi registrado. Com a queda da estrutura na entrada da cidade, regiões sentido a Capital, Núcleo Industrial e fazendas devem ficar sem energia. A concessionária Energisa já foi comunicada e uma equipe deve verificar o local.

Confira as imagens:

Jornal Midiamax