Cotidiano

Profissionais da segurança serão vacinados contra coronavírus a partir de sábado em MS

A vacinação dos profissionais da segurança pública que atuam na linha de frente contra o coronavírus já começa no sábado (3) em Mato Grosso do Sul. A iniciativa havia sido divulgada durante a live da SES (Secretaria de Estado de Saúde) e inclui desde policiais federais até os guardas municipais.  Conforme informações do Governo do […]

Mylena Rocha Publicado em 31/03/2021, às 10h20 - Atualizado às 10h25

Policial militar de MS atua usando máscara durante a pandemia. (Foto: PMMS)
Policial militar de MS atua usando máscara durante a pandemia. (Foto: PMMS) - Policial militar de MS atua usando máscara durante a pandemia. (Foto: PMMS)

A vacinação dos profissionais da segurança pública que atuam na linha de frente contra o coronavírus já começa no sábado (3) em Mato Grosso do Sul. A iniciativa havia sido divulgada durante a live da SES (Secretaria de Estado de Saúde) e inclui desde policiais federais até os guardas municipais. 

Conforme informações do Governo do Estado, podem ser vacinados policiais federais, civis e militares, bombeiros militares, agentes penitenciários, policiais rodoviários federais e guardas municipais, que trabalham na fiscalização dos decretos estaduais. 

“Serão imunizados, já a partir de sábado próximo, os profissionais da segurança pública, priorizando aqueles envolvidos nas ações de imunização, vigilância em saúde e os que ajudam a cumprir os decretos criados para conter a pandemia”, salienta o secretário Geraldo Resende.

A proposta de inclusão desses profissionais no PNI (Programa Nacional de Imunização), anunciada pelo secretário  Geraldo Resende, foi aprovada na terça-feira (30) na CIT (Comissão Intergestores Tripartite), órgão colegiado que reúne secretários estaduais e municipais de Saúde e Ministério da Saúde. A medida havia sido proposta há alguns dias no Conass (Conselho Nacional de Secretários de Saúde) por Mato Grosso do Sul e outros Estados da Federação.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) vai separar o percentual dos imunizantes que devem chegar ao Estado na próxima quinta-feira (1), no 11º lote a ser enviado pelo Ministério da Saúde. O quantitativo deverá ser definido nesta quarta-feira (31). A SES calcula que serão beneficiados, com a medida, em torno de 12 mil profissionais de segurança pública em Mato Grosso do Sul.

(com informações da SES)

Jornal Midiamax