Cotidiano

Procon ‘fecha’ autoescola de Campo Grande autuada duas vezes em 15 dias

Um CFC (Centro de Formação de Condutores), localizado na rua 13 de maio, foi proibido de contratar novos alunos, após receber uma segunda notificação do Procon/MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor de Mato Grosso do Sul) na sexta-feira (19). De acordo com o Procon/MS, o local já havia sido autuado há 15 dias […]

Gabriel Neves Publicado em 20/02/2021, às 07h32 - Atualizado em 21/02/2021, às 08h16

Após primeira notificação, órgão alega continuar recebendo reclamações da autoescola. (Foto: Divulgação/Procon-MS)
Após primeira notificação, órgão alega continuar recebendo reclamações da autoescola. (Foto: Divulgação/Procon-MS) - Após primeira notificação, órgão alega continuar recebendo reclamações da autoescola. (Foto: Divulgação/Procon-MS)

Um CFC (Centro de Formação de Condutores), localizado na rua 13 de maio, foi proibido de contratar novos alunos, após receber uma segunda notificação do Procon/MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor de Mato Grosso do Sul) na sexta-feira (19).

De acordo com o Procon/MS, o local já havia sido autuado há 15 dias e foi novamente notificado na sexta, após o órgão estadual receber diversas denúncias de clientes.

Na nova visita, foi constatado que o CFC não praticava a comunicação essencial, demorava na prestação de serviços previamente pagos e acordados, tinha vantagem manifestamente excessiva, praticava precificação imprecisa e publicidade enganosa.

Com isso, o CFC teve suas atividades suspensas e foi proibido de assinar novos contratos com futuros clientes, sejam eles para qualquer categoria de CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Par reabrir as portas, o estabelecimento deverá apresentar documentos que comprovem o cumprimento das exigências que possibilitam a prestação regular dos serviços acordados.

Jornal Midiamax