Cotidiano

Ocupação sobe para 97% e MS tem apenas 12 UTIs disponíveis para Covid-19 e Srag

Com 24 novos pacientes em 24h, UTIs (Unidades de Terapia Intensivas) de MS atingiram 97,14% de lotação nesta quarta-feira (10).

Dândara Genelhú Publicado em 10/03/2021, às 16h24 - Atualizado às 16h26

 (Imagem: Ilustrativa/ Arquivo Midiamax)
(Imagem: Ilustrativa/ Arquivo Midiamax) - (Imagem: Ilustrativa/ Arquivo Midiamax)

Com 24 novos pacientes em 24h, UTIs (Unidades de Terapia Intensivas) de Mato Grosso do Sul atingiram 97,14% de lotação nesta quarta-feira (10). Assim, existem apenas 12 leitos, deste tipo, disponíveis para novas internações de Covid-19 e Srag (Síndrome Respiratório Aguda Grave) em todo o Estado.

De acordo com o monitoramento de leitos do Portal Mais Saúde, são 419 leitos de UTI para Covid-19 e Srag em MS. Destes, 407 estão ocupados com pacientes infectados pela doença. Existem ainda os leitos clínicos, que somam 1.101 possibilidades de internações pelo Estado.

No entanto, 51,14% deles também estão lotados. São 563 pessoas instaladas em leitos clínicos do Estado. Assim, junto com os leitos de UTI, são 970 pacientes internados em MS.

O avanço da pandemia faz com que o Estado enfrente o cenário mais crítico desde a chegada do coronavírus. Isto porque são 754 pacientes apenas de Covid-19 internados em leitos de MS. Este é o maior número da série de boletins epidemiológicos da SES (Secretaria de Estado de Saúde).

Além disto, MS registrou, nesta quarta-feira (10), ocupação de 100% dos leitos públicos de UTI para pacientes Covid-19. Na macrorregião de Campo Grande o número de pacientes internados é maior do que o de leitos. Isto porque são 106% de lotação dos leitos, entre pacientes infectados pelo vírus ou não.

Jornal Midiamax