Cotidiano

Na faixa de risco contágio, MPMS pede mais fiscalização contra Covid-19 em Ponta Porã

O MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), enviou nesta quarta-feira (24), uma recomendação ao município de Ponta Porã, a 312 quilômetros de Campo Grande, a intensificar a fiscalização contra a transmissão da Covid-19. A cidade está classificada na faixa vermelha, de alto risco, no Prosseguir. A recomendação do poder público é que a […]

Karina Campos Publicado em 24/02/2021, às 16h48

Entrada de Ponta Porã. (Foto: Divulgação/Ponta Porã Informa)
Entrada de Ponta Porã. (Foto: Divulgação/Ponta Porã Informa) - Entrada de Ponta Porã. (Foto: Divulgação/Ponta Porã Informa)

O MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), enviou nesta quarta-feira (24), uma recomendação ao município de Ponta Porã, a 312 quilômetros de Campo Grande, a intensificar a fiscalização contra a transmissão da Covid-19. A cidade está classificada na faixa vermelha, de alto risco, no Prosseguir.

A recomendação do poder público é que a prefeitura fiscalização com mais vigor e aplique punições nos comércios, como bares, restaurantes e similares que desrespeitarem as regras sanitárias vigentes para controle da doença.

Em nota, a prefeitura informou que desde o feriado do Carnaval, onde não houve ponto facultativo, a Vigilância Sanitária, a Guarda Civil Municipal de Fronteira e a Polícia Militar estão trabalhando em conjunto par coibir qualquer tipo de abuso. As festas e aglomerações que foram flagradas, foram encerradas pelas equipes.

“A Vigilância Sanitária e a GCMFron (Guarda Civil Metropolitana da Fronteira) estão diariamente nas ruas fazendo fiscalização preventiva. Para estabelecimentos que não cumpram as normas vigentes, ou que insistam reiteradamente no descumprimento, a punição é a aplicação de multa e pode chegar até mesmo a cassação do Alvará de funcionamento”, comunica.

O município soma 4.142 casos confirmados, e ocupa o 5° lugar com mais óbitos em decorrência da doença, com 83 mortes, conforme a atualização do boletim epidemiológico da SES (Secretaria Estadual de Saúde).

Jornal Midiamax