Cotidiano

Ferido em acidente com pipa, família de Rafael faz ‘pastelada’ para pagar tratamentos e remédios

A família do adolescente Rafael de Souza, de 14 anos, que sofreu uma lesão cerebral grave após ser atingido por uma descarga elétrica, enquanto brincava com pipa, em Campo Grande, está fazendo uma ‘pastelada’, para ajudar a continuar custeando o tratamento, condução até os hospitais e os medicamentos que ele precisa. A mãe, Lilian Fernandes […]

Karina Campos Publicado em 01/03/2021, às 08h47

Após o acidente, Rafael perdeu os movimentos da perna e fala. (Foto: Leitor Midiamax)
Após o acidente, Rafael perdeu os movimentos da perna e fala. (Foto: Leitor Midiamax) - Após o acidente, Rafael perdeu os movimentos da perna e fala. (Foto: Leitor Midiamax)

A família do adolescente Rafael de Souza, de 14 anos, que sofreu uma lesão cerebral grave após ser atingido por uma descarga elétrica, enquanto brincava com pipa, em Campo Grande, está fazendo uma ‘pastelada’, para ajudar a continuar custeando o tratamento, condução até os hospitais e os medicamentos que ele precisa.

A mãe, Lilian Fernandes de Souza, teve que deixar o emprego para poder cuidar e se dedicar por 24 horas ao filho, que por conta do acidente, não fala e não anda. O acidente aconteceu em julho de 2019, e por conta da pandemia, maior parte dos atendimento especializados foram paralisados.

“Os exames, retornos médicos há 1 ano parados. Ele conseguiu uma vaga na Pestalozzi, pra fazer Therasuit. Eu preciso consultar com os especialistas pra darem um laudo de autorização para ele poder realizar fisioterapia. Tudo tem que ser particular porque é uma corrida contra o tempo”, lamenta.

A pastelada será feita no dia 7 de março, com pastel de sabor pizza, frango, carne e queijo, a partir de R$ 3. O local da venda será feita na Rua Guaratuba, Vila Sobrinho, onde os pastéis podem ser frito na hora ou levado cru. Para ajudar ou mais informações, o telefone (67) 98133-9555.

Jornal Midiamax