Distribuição de vacinas contra coronavírus para municípios do MS deve começar às 20h

Serão 158 mil doses distribuídas no Estado.

As primeiras 158 mil doses da vacina contra a Covid-19, a CoronaVac, chegaram em Campo Grande, na tarde desta segunda-feira (18). De acordo com o Governo do Estado, a distribuição aos 78 municípios de deve começar a partir das 20h.

As doses serão destinadas aos grupos prioritários, sendo 97 mil à população indígena em aldeias, 61 mil aos profissionais de saúde da linha de frente de combate à Covid-19 e aos idosos em asilos.

O transporte das doses foi feito por uma aeronave da FAB (Força Aérea Brasileira). Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal fizeram a escolta do caminhão da Base Aérea de Campo Grande até o pátio da Ceve (Coordenação Estadual de Vigilância Epidemiológica). Dentro do Estado, a distribuição será feita pelo Militar e Polícias Civil e Militar.

A expectativa é que 30 mil doses da vacina fiquem em Campo Grande e a imunização do grupo prioritário começa nesta terça-feira (19). Conforme o secretário , em até 48h todos os municípios de estarão com doses para da início à vacinação. Em Campo Grande, na quarta-feira (20) a aplicação da vacina nos grupos prioritários serão ampliados.

Primeiros imunizados em MS

O estado de MS já conta com os primeiros pacientes a serem imunizados, em cerimônia simbólica no início da campanha de vacinação, a ser realizada a partir das 16h, no  (Hospital Regional de MS): as primeiras doses da vacina contra a  serão aplicadas em um médico, em uma indígena de 91 anos e uma idosa de 83 anos que vive no .

Conforme informações da SES, o médico Marcio Estevão Midom, tem 43 anos e é concursado no  (Hospital Regional de ) desde 2010. O profissional tem residência em Clínica Médica e Nefrologia e chegou a atender mais de 100 pacientes graves durante a pandemia que precisaram de ventilação mecânica. “A vacina é um raio de esperança a todos os brasileiros”, disse.

Também cotada para ser uma das primeiras moradoras do estado a ser imunizada, Domingas da Silva, de 91 anos, é indígena da etnia terena e vive na Aldeia Tereré. Além de Domingas, Maria Bezerra de Carvalho, de 83 anos, que reside no  desde 2020, também deverá ser uma das primeiras pessoas de MS a receber a dose do imunizante.

Distribuição de vacinas contra coronavírus para municípios do MS deve começar às 20h
Mais notícias