Cotidiano

Corumbá registra 1ª morte por dengue e MS já tem duas vítimas da doença neste ano

Corumbá registrou o 1º óbito causado por dengue de 2021. Com a morte do município, MS já possui duas vítimas da doença neste ano. 

Dândara Genelhú Publicado em 09/03/2021, às 15h21 - Atualizado às 15h22

Imagem ilustrativa. (Foto: Divulgação/SES)
Imagem ilustrativa. (Foto: Divulgação/SES) - Imagem ilustrativa. (Foto: Divulgação/SES)

Nesta terça-feira (9), Corumbá registrou o primeiro óbito causado por dengue de 2021. Com a morte do município, a 426 km de Campo Grande, Mato Grosso do Sul já possui duas vítimas da doença neste ano.

Assim, a Prefeitura de Corumbá informou que o Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública de MS) emitiu resultado positivo para dengue de um óbito ocorrido em 15 de janeiro. De acordo com o município, a paciente tinha 29 anos e não foram divulgadas comorbidades.

Além desta análise, que já foi concluída, mais uma está em andamento para saber se a morte foi causada por dengue em Corumbá. Segundo o boletim epidemiológico da dengue da cidade, divulgado no dia 03 de março, existem 1.140 casos suspeitos no município. Destes, 191 já foram confirmados.

Dengue no MS

Na última semana, Mato Grosso do Sul registrou 189 casos novos de dengue. Assim, são 892 casos confirmados espalhados pelos municípios de MS até 3 de março. Então, a incidência da doença no Estado foi para 127 casos a cada 100 mil habitantes.

De acordo com o boletim epidemiológico, publicado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde), existem 3.567 casos prováveis em MS. Apenas nos últimos sete dias, foram 671 novas notificações no Estado.

Em menos de dois meses de 2021, MS atingiu média incidência da doença. Em 24 de fevereiro, foram registradas 931 notificações de dengue no Estado, dia em que alcançou a bandeira amarela.

MS registrou a primeira morte causada por dengue em 17 de fevereiro. A primeira vítima fatal da dengue no Estado é um homem de 66 anos de idade e que tinha registro de comorbidades. Ele era morador de Dourados, a maior cidade do interior a 229 km de Campo Grande.

Jornal Midiamax