Com 61% de candidatos ausentes, MS tem 3ª maior abstenção do país no segundo dia do Enem

De 82,6 mil inscritos, somente 32,3 mil compareceram para a prova

Mais da metade dos inscritos não compareceu para o (Exame Nacional do Ensino Médio) no segundo dia de provas, neste domingo (24) em . O Estado registrou 61% de faltas e tem o terceiro maior índice de abstenção no país. 

Conforme dados do (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), de 82.638 candidatos inscritos, 50.424 não compareceram para o segundo dia de provas. só fica atrás de , que registrou 63,5% de abstenção, e de Rondônia, que teve 63,1% de abstenção.

As faltas no segundo dia foram até maiores do que no primeiro. No domingo anterior, 57,2% dos candidatos em MS faltaram à prova. Em , o foi aplicado em 41 municípios, com 218 locais de prova e 3.045 salas.

recorde

No Brasil, o segundo dia de Enem teve 55,3% de faltas, abstenção recorde no exame, de acordo com o . Do total de 5.523.029 inscritos no exame, menos da metade, 2.470.396, compareceu aos locais de prova. Ainda segundo o , a média histórica de abstenção no é de 27%. O recorde anterior foi registrado em 2009, com 37,7% de faltas. 

Mais de 8 mil inscritos solicitaram reaplicação do segundo dia de provas, por conta de doenças infectocontagiosas. O divulgou que recebeu os pedidos e comprovantes das condições de saúde entre 18 e 23 de janeiro. O sistema foi fechado, como previsto, para que as solicitações fossem avaliadas e os participantes recebessem a resposta antes da aplicação deste domingo. Ao todo, 5.536 solicitações foram deferidas e 2.503, indeferidas. Considerando os dois dias de aplicação, 18.210 pedidos foram feitos e, no total, o aceitou 13.716.

Com 61% de candidatos ausentes, MS tem 3ª maior abstenção do país no segundo dia do Enem
Mais notícias