Chuva de um dia que superou o esperado para o mês desaloja 220 famílias em Corumbá

Entre as famílias afetadas, apenas uma aceitou abrigo na Casa de Passagem

A tempestade que atingiu a cidade de Corumbá, a 425 km da Capital, e alagou bairros deixou 220 famílias desalojadas. Choveu mais do que o esperado para o mês inteiro, deixando casas ilhadas e o município já até declarou situação de emergência. Um ponto de atendimento foi montado para ajudar os moradores afetados. 

No ponto de apoio montado na Escola José de Souza Damy, 220 famílias afetadas pelas chuvas foram atendidas somente na quarta-feira (13). Segundo informações da Prefeitura, os trabalhos na escola continuaram até as 22h e foram entregues 245 marmitas (somando almoço e jantar) às pessoas da região e 70 famílias receberam as doações de roupas e utensílios. Apenas uma família aceitou ser abrigada na Casa de Passagem.

Por sorte, a chuva deu uma trégua e não houve registro de novas ocorrências durante esta madrugada. “Agora, a já estão na rua verificando essas famílias cadastradas e entregando as cestas básicas e fazendo o levantamento para doação dos colchões, lonas e cobertores”, explicou a secretária municipal de e Cidadania, Amanda Balancieri Iunes.

Situação de emergência

Depois de chover em um dia o esperado para o mês inteiro, o município de Corumbá decretou situação de emergência.  Várias famílias tiveram suas casas inundadas e precisam de materiais básicos, como alimentos e produtos de higiene e limpeza. A Prefeitura de Corumbá explica que foram verificados danos estruturais em vários pontos da cidade e ainda levou em consideração o parecer técnico com o reconhecimento da situação caracterizada como enxurrada. 

“Esta situação de anormalidade é válida apenas para as áreas deste município, comprovadamente afetadas pelo desastre, conforme prova documental estabelecida pelo Formulário de Informações do Desastre e pelo Croqui da área afetada elaborados pela Superintendência Municipal de Proteção e ”, determina o documento.

Chuva de um dia que superou o esperado para o mês desaloja 220 famílias em Corumbá
Mais notícias