Cotidiano

Campo Grande tem superlotação de 103% em leitos de UTI Covid-19

São 11 pacientes atendidos fora da capacidade

Dândara Genelhú Publicado em 02/04/2021, às 13h48

None
Foto: Reprodução/ Agência Brasil.

Nesta sexta-feira (2), Campo Grande registrou 103,30% de superlotação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de Covid-19. Ou seja, existem pacientes que são atendidos além da capacidade hospitalar da Capital.
Os dados são do Painel Mais Saúde, atualizados pela SES (Secretaria de Estado de Saúde) até às 14h desta sexta-feira (2). Assim, são 344 pacientes sendo atendidos em Campo Grande. No entanto, a cidade possui apenas 333 leitos registrados. Então são 11 pessoas infectadas por Covid-19 atendidas além da capacidade.
Assim, os leitos clínicos registram 83,43% de lotação. Apesar de ter menos ocupações, o índice também é crítico. Pois, de acordo com a Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), a partir dos 80% de ocupação já é considerada grave a situação dos leitos.
Então, são 413 pacientes atendidos nestes leitos. Assim, são 82 vagas disponíveis para novas internações.
De acordo com o boletim da SES, desta sexta-feira (2), Campo Grande já acumula 86.353 casos de Covid-19. Assim, o município já registrou 1.912 óbitos causados por coronavírus desde o início da pandemia.

Jornal Midiamax