Cotidiano

Campo Grande já vacinou mais de 100 mil pessoas contra o coronavírus

A campanha de imunização iniciou só no final de janeiro, mas Campo Grande já vacinou mais de 100 mil pessoas contra o coronavírus desde a entrega da primeira remessa de doses. Com novos pontos, parcerias e mutirões, a Prefeitura da Capital tem adotado estratégias para facilitar a vacinação e evitar aglomeração nas filas. Conforme dados […]

Mylena Rocha Publicado em 30/03/2021, às 10h17

Idosos de 66 anos são vacinados nesta terça. (Foto: Divulgação/PMCG)
Idosos de 66 anos são vacinados nesta terça. (Foto: Divulgação/PMCG) - Idosos de 66 anos são vacinados nesta terça. (Foto: Divulgação/PMCG)

A campanha de imunização iniciou só no final de janeiro, mas Campo Grande já vacinou mais de 100 mil pessoas contra o coronavírus desde a entrega da primeira remessa de doses. Com novos pontos, parcerias e mutirões, a Prefeitura da Capital tem adotado estratégias para facilitar a vacinação e evitar aglomeração nas filas.

Conforme dados da Prefeitura, o público que mais se vacinou é o de idosos acima de 75 anos, sendo aplicadas 43.424 doses; logo em seguida estão os trabalhadores da saúde, com 38.192 doses. E, apesar de ainda não estar aberta para todas as faixas etárias, os idosos entre 65 e 74 anos ocupam a terceira colocação, com 35.774 doses aplicadas até às 8h desta terça-feira (30). 

“Nós estamos seguindo o Plano Nacional de Imunização e ainda assim somos uma das capitais do país em que a vacinação está mais avançada”, comemora o secretário municipal de saúde, José Mauro Filho. 

Os idosos de 66 anos que começam a receber suas doses nesta terça-feira (30) podem procurar uma das 55 unidades de saúde que estão com as salas de vacina abertas das 13h às 17h exclusivamente para imunização contra a doença provocada pelo novo coronavírus, ou um dos outros quatro pontos de vacinação que funcionam o dia inteiro: Drive-thru do Parque Ayrton Senna, Centro de Vacinação do Ginásio Guanandizão, Seleta e IMPCG (Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande).

Cadastramento agiliza vacinação

O cadastramento, apesar de não ser obrigatório, irá agilizar o atendimento de quem deve ser vacinado, reduzindo o tempo de permanência no local da imunização. A identificação não é um agendamento, mas garante atendimento mais rápido nos locais de vacinação e evita a formação de aglomerações. Confira o passo a passo:

1- A pessoa apta a ser vacinada deve acessar o site vacina.campogrande.ms.gov.br, realizar o cadastro uma única vez e preencher os dados obrigatórios exigidos pelo Ministério da Saúde;

Passo a passo

1- A pessoa apta a receber a vacina acessa o endereço web vacina.campogrande.ms.gov.br através de dispositivo conectado à internet, realiza o seu cadastro uma única vez e preenche os dados obrigatórios exigidos pelo Ministério da Saúde;

2- Antes de finalizar a identificação, a pessoa deverá enviar pelo sistema os documentos de identificação obrigatórios para a vacinação (carteira de conselho da categoria; e/ou documento com foto; e/ou documento de vínculo empregatício; dentre outros);

3- Finalizada a identificação, a pessoa poderá se dirigir até os locais de vacinação definidos pela Sesau/Prefeitura de Campo Grande, e informar aos responsáveis nesses locais que já realizou a identificação pelo sistema.

Locais de vacinação

  • Drive-Thru
    Parque Ayrton Senna
    7h30 às 17h30
  • Seleta
    Rua Dolor Ferreira de Andrade, 270 – Centro
    7h30 às 17h
  • Centro de Vacinação
    Ginásio Guanandizão – acesso pela Travessa Touro
    7h30 às 17h
  • IMPCG
    Rua Orfeu Baís, 77 – Amambaí
    7h30 às 16h30

Unidades de saúde

13h às 17h

Centro 

Prosa 

Imbirussu

Anhanduizinho 

Lagoa 

Segredo 

Bandeira 

Jornal Midiamax