Cotidiano

Apenas cinco cidades de MS imunizaram mais de 80% do grupo de risco contra Covid-19

Em dois meses e 13 dias, apenas cinco cidades de Mato Grosso do Sul conseguiram imunizar pelo menos 80% da população de risco contra a Covid-19.

Dândara Genelhú Publicado em 31/03/2021, às 14h02 - Atualizado às 14h16

Vacinação contra Covid-19. (Foto: Leonardo de França, Midiamax)
Vacinação contra Covid-19. (Foto: Leonardo de França, Midiamax) - Vacinação contra Covid-19. (Foto: Leonardo de França, Midiamax)

Em dois meses e 13 dias, apenas cinco cidades de Mato Grosso do Sul conseguiram imunizar pelo menos 80% da população de risco contra a Covid-19. Já foram distribuídos pelos municípios, dez lotes de vacinas contra o coronavírus.

Os lotes foram enviados pelo Ministério da Saúde ao Estado, que por meio da SES (Secretaria de Estado de Saúde), distribuiu pelas cidades. Assim, o índice de cobertura da vacina no grupo prioritário em MS é de 57,44%. Na Capital, em Campo Grande, 61,38% das pessoas com mais risco de serem infectadas já foram imunizadas contra a Covid-19.

De acordo com o Vacinômetro, disponibilizado pela SES, são 396.753 vacinas aplicadas na primeira dose em MS. Foram utilizados dados desta quarta-feira (31), atualizados até às 13h30. O percentual de população de risco imunizada é medido pela aplicação destas doses.

Assim, Antônio João é a cidade que mais imunizou até agora, são 83,68% de pessoas imunizadas do grupo de risco. Então, com 81,75% de vacinados, Tacuru é o segundo município que mais vacinou o público-alvo.

Já em Dois Irmãos do Buriti, são 81,22% da população de risco que já recebeu pelo menos a primeira dose da vacina. Assim, em Jateí, a imunização atingiu 80,43% deste público e em Laguna Carapã, são 80,37%.

Estes são os municípios que mais aplicaram doses em pessoas do grupo de risco em MS desde o início da campanha de vacinação contra Covid-19. Uma nova remessa de imunizantes deve chegar ainda nesta semana ao Estado.

Jornal Midiamax