Voluntários podem oferecer lar temporário para animais resgatados pela Decat

Animais podem ficar na casa de voluntários até que situação seja resolvida e possam ser adotados

Voluntários podem se candidatar para oferecer um lar temporário para os cães resgatados pela (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Ambientais e de Atendimento ao Turista) em Campo Grande. Muitas vezes, os animais não tinham onde ficar após serem resgatados em situação de maus-tratos, porém, agora eles podem ficar ‘hospedados’ na casa de voluntários. 

A iniciativa foi anunciada nas redes sociais da . O delegado Maércio Alves Barbosa explica que Campo Grande deveria ter, mas ainda não dispõe de um Centro de Abrigamento e Tratamento de animais resgatados em situação de maus tratos. 

“A polícia não tem para onde encaminhar aqueles que, pelas circunstâncias, não podem permanecer mais na posse do tutor/agressor. Essa questão do lar temporário é uma maneira de lidar com essa problemática”, afirma.

A adoção de lares temporários para ficar com os animais vítimas de maus-tratos é comemorada pelos protetores. Nas redes sociais, a (Organização Não-Governamental) Abrigo dos Bichos explicou que com os lares temporários, os animais não precisam ser encaminhados ao CCZ (Centro de Controle de Zoonoses).

Para os interessados em servir como um lar temporário, é possível se candidatar pelo telefone da delegacia: (67) 3325-2567 ou 3382-9271.

Voluntários podem oferecer lar temporário para animais resgatados pela Decat
Mais notícias