Em dois meses, preços de testes do coronavírus caem 42% em Campo Grande

No exame de sorologia, por exemplo, o preço caiu de R$ 340 para R$ 200 em um laboratório

O (Subsecretaria de Proteção e Defesa do de Campo Grande) divulgou, nesta quinta-feira (1°), uma nova pesquisa de preços comparativos do teste para , o novo coronavírus. A redução foi de mais de 42% no valor dos testes rápidos.

O balanço, feito na última segunda-feira (28), comparou os preços da pesquisa anterior, realizada no mês de julho, em laboratórios e farmácias, tanto de bairros como na região central.

No Laboratório Bio Diagnostic, a redução foi de 22,50%. O teste RT-PCR que custava R$ 400 foi reduzido para R$ 310. O órgão encontrou aumento do mesmo teste no Hospital Proncor, onde o RT-PCR saltou de R$ 300 para R$ 310.

Já o exame de sorologia, o preço caiu de R$ 340 para R$ 200, no DNA Laboratório. A queda foi de 41% no preço comparado a pesquisa anterior. A menor baixa foi encontrada no Laboratório Ultramedical, onde o exame subiu de R$ 300 para R$ 340. O aumento foi de 13,33%.

A maior diminuição de valor foi encontrada nos testes rápidos, sendo de 42,45% em farmácias da Capital. Na Farmácia Pague Menos, o preço caiu de R$ 140 para R$ 79,99. Em outras unidades, o preço se manteve o mesmo.

Vale ressaltar que a pesquisa tem objetivo de esclarecer os preços encontrados nos laboratórios e farmácias da cidade. Os preços são livres, e por se tratarem de produtos e serviços que envolvem a saúde, os clientes podem escolher o melhor lugar para confiar.

Em dois meses, preços de testes do coronavírus caem 42% em Campo Grande
Mais notícias